Pastor havia orado por abdômen de Bolsonaro antes do atentado

Nenhum comentário

Um pastor missionário no Japão havia orado pelo abdômen de Bolsonaro antes dele ter sofrido o atentado a faca por militante esquerdista. O ato aconteceu no último congresso Gideões da Última Hora.

A Polícia Federal está trabalhando desde o último dia (6) para elucidar o crime perpetrado contra o candidato com maior intenção de votos para a presidência da República, Jair Bolsonaro. Várias são as linhas de investigação, e o que chamou maior atenção no caso, foi uma afirmação do principal Advogado de defesa do criminoso, que disse em uma entrevista ter sido contratado por uma igreja.

Todavia, tais igrejas de Montes Claros negaram que estariam pagando os honorários advocatícios dos advogados que defendem o assassino em potencial. Ora, se não é a igreja 'conforme o próprio advogado disse', quem seria o contratante?

Sabemos todavia, que os advogados já trabalharam em causas de alta notoriedade como no caso Bruno por exemplo, e sendo assim tais advogados não são quaisquer advogados - seus honorários certamente são caríssimos para serem custeados por um desempregado sem qualquer perspectiva de vida. Mas isso não vem ao caso agora.

O pastor líder do congresso Gideões da Última Hora, Reuel Bernardino, publicou em seu instagram um momento muito interessante que aconteceu no último congresso Gideões da Última Hora.

Na imagem, podemos ver um pastor missionário que fez a oração. Se trata do pastor Dorgival Timoteo, missionário dos Gideões no Japão.

Na legenda da foto, Reuel colocou: "CAPITÃO JAIR BOLSONARO DIA 29 DE ABRIL DESSE ANO AQUI NO GIDEÕES, TIVEMOS O SENTIMENTO DE ORAR PELO SEU ABDÔMEN!!! SERIA COINCIDÊNCIA OU PROVIDÊNCIA DIVINA??? REFLITA.''

Segundo o pastor Reuel, o pastor que orou no abdômen de Bolsonaro sentiu vontade de fazê-lo. Seria obra divina, questiona?

Algo muito forte aconteceu neste dia, e o que podemos refletir, é que certamente DEUS estava à frente de Bolsonaro aquele dia. O SENHOR permitiu que acontecesse a barbárie, mas livrou Bolsonaro com braços fortes, para nos mostrar que ELE é DEUS.

Bolsonaro está internato na UTI do hospital israelita Albert Einstein em São Paulo, onde é assistido por uma equipe especializada que o recebeu desde que veio transferido de Juíz de Fora - MG.

O candidato ainda terá de passar por outra cirurgia de reversão, para voltar seu sistema digestivo ao normal e tirar a Bolsa coletora implantada no momento da urgência.

Nenhum comentário

Postar um comentário

AVISO!

Desde já quero informar que todos serão responsabilizados pelos seus comentários.

Comentem, mas com pudor e serenidade, pois só serão aceitos comentários que somam para o assunto, caso contrário não serão publicados. Críticas são bem vindas, porém desde que tenham coerência. Comentários de links e propagandas de outras páginas não serão aceitos.
Temos uma visão conservadora e não desviaremos o foco do pensamento bíblico.

Direção O CORREIO DE DEUS