A Cabana blasfema Deus Pai e o Espírito Santo

2 comentários

Por que o autor do livro/filme A Cabana mostra Deus Pai de uma mulher de nome "Papa" e o Espírito Santo como um mulher de nome "Sarayu"?

1) Papa é o nome da MÃE Deusa da religião polinésia.

2) Sarayu é o nome de um rio sagrado na Índia, mencionado nos escritos hindus do Ramayana, e também o nome da Deusa do rio (foto).

O culto à Deusa (Gaia, Sofia, o Eterno Feminino) é uma das bases do ocultismo e da nova religião mundial. Essa blasfêmia não foi acidental. William P. Young sabe exatamente o que está fazendo, promovendo conceitos ocultistas.

2 comentários

  1. Tende misericórdia desta geração caída, Senhor... o pecado dessa geração está maior do que o de sodoma e gomorra...

    ResponderExcluir
  2. Meu amor, a maneira como o escritor mostra Deus no livro independe de religião! Mostra como ele é! Amor e só. Religião é politicagem mundana, sai dessa!

    ResponderExcluir

AVISO!

Desde já quero informar que todos serão responsabilizados pelos seus comentários.

Comentem, mas com pudor e serenidade, pois só serão aceitos comentários que somam para o assunto, caso contrário não serão publicados. Críticas são bem vindas, porém desde que tenham coerência. Comentários de links e propagandas de outras páginas não serão aceitos.
Temos uma visão conservadora e não desviaremos o foco do pensamento bíblico.

Direção O CORREIO DE DEUS