Homem-bomba explode templo evangélico na Nigéria

Nenhum comentário

Um homem-bomba se explodiu enquanto tentava entrar em uma igreja evangélica na Nigéria. A explosão feriu pelo menos oito pessoas que estavam do lado de fora do templo localizado na cidade de Gombe durante o culto da manhã. Abubakar Yakubu, chefe da Cruz Vermelha da Nigéria, 
comemora “Felizmente ninguém foi morto, mas algumas pessoas ficaram feridas.”

Uma testemunha do ataque disse que o suicida chegou durante o culto na igreja e se recusou a estacionar sua motocicleta fora de uma barreira de segurança criada por voluntários da igreja.
O homem que ainda não foi identificado tinha explosivos amarrados ao seu corpo. Ele os detonou enquanto discutia com os membros da igreja. A “barreira de segurança” foi montada justamente para evitar ataques do grupo islâmico Boko Haram, que atua na região.

Hauwa Ahmed, que estava no local conta que a ação foi inesperada. Embora as autoridades não tenham se pronunciaram sobre o ataque, este é o segundo atentado suicida na região nos últimos dias. Algumas horas antes, uma mulher se explodiu diante do quartel militar de Gombe.
Possivelmente os ataques estejam ligados. O Boko Haram tem intensificado sua repressão aos cristãos no norte da Nigéria e já proclamaram que a região é um califado, governado pelas leis islâmicas.
Em agosto do ano passado, o líder do grupo extremista, Abubakar Shekau manifestou seu apoio e lealdade a Abu Bakr al-Baghdadi, líder e califa do Estado Islâmico. Na ocasião, Shekau disse: “Allah nos ordena para governarmos pela lei islâmica. Na verdade, ele nos manda para governar o resto do mundo, não só a Nigéria, nós só começamos.  Allah nos ordenou matar sem piedade”. 

Com informações Christian Post e Gospel Prime

Nenhum comentário

Postar um comentário

AVISO!

Desde já quero informar que todos serão responsabilizados pelos seus comentários.

Comentem, mas com pudor e serenidade, pois só serão aceitos comentários que somam para o assunto, caso contrário não serão publicados. Críticas são bem vindas, porém desde que tenham coerência. Comentários de links e propagandas de outras páginas não serão aceitos.
Temos uma visão conservadora e não desviaremos o foco do pensamento bíblico.

Direção O CORREIO DE DEUS