segunda-feira, 12 de dezembro de 2016

Netanyahu quer discutir com Trump acordo nuclear com Irã

Netanyahu deixa a Trump Tower, em Nova York, após encontro com o então candidato Donald Trump, em 25 de setembro de 2016: AFP / Mandel Ngan
O primeiro-ministro israelense, Benjamin Netanyahu, declarou neste domingo (11) que quer tratar do Irã e do acordo internacional sobre seu programa nuclear com o futuro presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, o qual considera um importante "apoio" de Israel.

"Gostaria de discutir com o presidente" eleito sobre esses temas, afirmou o premiê, de acordo com trechos antecipados de sua entrevista ao programa "60 Minutes", que vai ao ar neste domingo à noite, na rede americana CBS.

"Eu o conheço muito bem, e sua atitude, seu apoio a Israel, são muito claros", acrescentou Netanyahu.

Se o acordo nuclear chegar ao fim, "as opções que temos são muito mais numerosas do que se acredita. Muitas mais. E falarei disso com o presidente Trump", declarou o premiê, que chegou a falar em "cinco" alternativas, sem apresentá-las.

Netanyahu se opõe firmemente ao acordo firmado em Viena, em julho de 2015, entre Teerã e as grandes potências (Estados Unidos, Rússia, China, França, Reino Unido e Alemanha, sob o patrocínio da União Europeia).

O presidente americano em final de mandato, Barack Obama, teve um papel fundamental no desfecho desse acordo, mas seu sucessor prometeu, ao longo da campanha eleitoral, que vai desmantelá-lo. Trump alega que se trata "do pior acordo já negociado".

A comunidade internacional reconhece que Teerã respeitou os termos do acordo de Viena até agora.

Fonte: AFP
O CORREIO DE DEUS
O CORREIO DE DEUS

This is a short biography of the post author. Maecenas nec odio et ante tincidunt tempus donec vitae sapien ut libero venenatis faucibus nullam quis ante maecenas nec odio et ante tincidunt tempus donec.