sexta-feira, 25 de novembro de 2016

Jovem de Ji-Paraná é supostamente possuído por demônio após sessão com tábua ouija


Foi relatado que na madrugada de quinta para sexta, alguns jovens se reuniram para uma sessão de ''tábua ouija.'' Após lerem as regras e deixar claro que não poderiam tirar o dedo do marcador, começaram a sessão. 

Depois de muitas tentativas frustradas e alguns jovens já querendo desistir, o marcador começou a se mexer causando pânico em todos que estavam no local, um dos jovens conhecido apenas por Christtiann Rilleyy S. ficou com muito medo e retirou o dedo do marcador, nesse momento ele começou agir estranho, seus olhos ficaram negros e ele começou a se contorcer. Alguns amigos tentaram segura-lo, mas ele pareceu ser mais forte, depois de muita insistência dos amigos em imobilizar o garoto, conseguiram segurar ele no chão, foi então que ele falou que eles deveriam solta-lo. Segundo relato, a voz que saia da boca do Christtiann, não era a voz dele. Os amigos descreveram a voz como ''apavorante.'' 
Depois de algumas horas o jovem se recompôs, voltando ao normal. Chris é morador de Ji-Paraná, disse que nunca havia acontecido isso com ele e que nunca mais vai participar de uma sessão de tábua ouija.

Fonte: (Clique aqui)
O CORREIO DE DEUS
O CORREIO DE DEUS

This is a short biography of the post author. Maecenas nec odio et ante tincidunt tempus donec vitae sapien ut libero venenatis faucibus nullam quis ante maecenas nec odio et ante tincidunt tempus donec.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

AVISO!

Desde já quero informar que todos serão responsabilizados pelos seus comentários!

Comentem mas com pudor e serenidade, pois só serão aceitos comentários que somam para o assunto caso contrário não serão publicados. Críticas são bem vindas desde que tenham coerência no que estão falando. E comentários de links e propagandas de outras páginas não serão publicados também. Temos uma visão conservadora e não desviaremos o foco do pensamento bíblico. Att; SITE O CORREIO DE DEUS

Grato pela atenção de todos.