KIEV (Reuters) - O presidente da Ucrânia, Petro Poroshenko, disse nesta quinta-feira que instruiu todas as unidades militares próximas à Crimeia e na região de Donbass para estarem no mais alto nível de prontidão para combate, após acusações russas de uma incursão ucraniana dentro da Crimeia.

Separadamente, o porta-voz do Estado Maior da Ucrânia disse à Reuters que a Ucrânia está realizando exercícios militares programados no sul do país desde quarta-feira.

O presidente russo, Vladimir Putin, acusou Kiev na quarta-feira de usar táticas terroristas para tentar provocar um novo conflito e desestabilizar a Crimeia, anexada da Ucrânia por Moscou em 2014. A Ucrânia negou acusações e disse serem um pretexto cínico da Rússia para realizar mais ameaças militares contra a Ucrânia.
Marcadores: ,

Postar um comentário

AVISO!

Desde já quero informar que todos serão responsabilizados pelos seus comentários!

Comentem mas com pudor e serenidade, pois só serão aceitos comentários que somam para o assunto caso contrário não serão publicados. Críticas são bem vindas desde que tenham coerência no que estão falando. E comentários de links e propagandas de outras páginas não serão publicados também. Temos uma visão conservadora e não desviaremos o foco do pensamento bíblico. Att; SITE O CORREIO DE DEUS

Grato pela atenção de todos.

Author Name

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.