O Seu portal conservador de notícias, Evangelismo e Informação em defesa da fé Cristã

  • Últimas Notícias

    16 agosto 2016

    Israel detém palestinos acusados de terem sido recrutados pelo Hezbollah


    Os serviços de segurança israelenses anunciaram nesta terça-feira que detiveram 9 palestinos, alguns dos quais foram recrutados através do Facebook pelo Hezbollah libanês para cometer atentados contra Israel.

    O Hezbollah, implantado no vizinho Líbano, assim como seu aliado Irã, são considerados por Israel como seus principais inimigos.

    Estes palestinos teriam recebido "ordens de cometer ataques armados, atentados suicidas com bombas contra alvos israelenses e ajudar no recrutamento de outros palestinos para as atividades" do Hezbollah, afirmou o serviço de segurança interior israelense, o Shin Beth, em um comunicado.

    Segundo o Shin Beth, um agente do Hezbollah, em particular, utilizou a rede social Facebook para recrutar um palestino de Qalqilya, que, por sua vez, captou outros quatro habitantes desta mesma região do norte da Cisjordânia ocupada, acrescentou o Shin Beth.

    Este último acusa esta célula de ter realizado atividades de espionagem contra o exército israelense, assim como de ter feito treinamentos armados antes que seus membros fossem detidos.

    Outro palestino da Faixa de Gaza também recrutado pelo Hezbollah conseguiu captar três palestinos da Cisjordânia ocupada, e segundo o Shin Beth eles começaram a treinar e planejar ataques.

    Estes quatro palestinos também foram presos antes de passar à ação, de acordo com a mesma fonte.

    O serviço de segurança interior o Hezbollah de "fomentar à distância o terrorismo" em Israel.

    Fonte: AFP

    Sobre

    Exclusivamente voltado para matérias informativas em questões apologéticas, notícias e estudos bíblicos, este site tem o objetivo de servir como ferramenta de evangelização bem como alerta e preparo à igreja cristã sobre os últimos eventos que antecedem a Volta Gloriosa de nosso Senhor Jesus Cristo.

    Termos de Uso

    Você está autorizado e incentivado a reproduzir e distribuir os artigos em qualquer formato, desde que informe o(a) autor(a) e a fonte do artigo, bem como as fontes intermediárias, inclusive o Site "O Correio de Deus". Não é permitido a alteração do conteúdo original sem a devida notificação de alteração em cópia extraída deste site e muito menos a utilização para fins comerciais.
    Licença Creative Commons
    Este trabalho está licenciado com uma Licença