sábado, 30 de julho de 2016

Inspirado em Stalin e Trotsky, Maduro decreta trabalho forçado no campo para venezuelanos


Em uma decisão muito similar à de Stalin, que obrigou milhares de pessoas a trabalharem de forma forçada (nos gulags), o ditador socialista da Venezuela, Nicolás Maduro, publicou um novo decreto na última quinta (28) estabelecendo que os venezuelanos serão obrigados a trabalhar em fazendas por até 60 dias – prorrogáveis por períodos indefinidos – para combater a escassez de alimentos. A nova normal vale tanto para funcionários públicos quanto privados.

A ideia de trabalho forçado no campo nos regimes comunistas surgiu inicialmente com Trotsky, que em sua obra “Terrorism and Communism” afirma que, na lógica comunista, “aqueles que não trabalham não devem comer” – e, portanto, o estado deve obrigar os trabalhadores a trabalhar de forma forçada no campo.

Fonte: Ilisp
O CORREIO DE DEUS
O CORREIO DE DEUS

This is a short biography of the post author. Maecenas nec odio et ante tincidunt tempus donec vitae sapien ut libero venenatis faucibus nullam quis ante maecenas nec odio et ante tincidunt tempus donec.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

AVISO!

Desde já quero informar que todos serão responsabilizados pelos seus comentários!

Comentem mas com pudor e serenidade, pois só serão aceitos comentários que somam para o assunto caso contrário não serão publicados. Críticas são bem vindas desde que tenham coerência no que estão falando. E comentários de links e propagandas de outras páginas não serão publicados também. Temos uma visão conservadora e não desviaremos o foco do pensamento bíblico. Att; SITE O CORREIO DE DEUS

Grato pela atenção de todos.