O Seu portal conservador de notícias, Evangelismo e Informação em defesa da fé Cristã

  • Últimas Notícias

    28 julho 2016

    Avião com destino a BH retorna para Miami após ameaça de bomba


    Relato foi feito por um passageiro que estava no voo; empresa American Airlines nega e diz que problema mecânico na aeronave

    HELENICE LAGUARDIA / RAQUEL SODRÉ / BRUNO TRINDADE
    @SUPER_FC

    Com a onda de ataques terroristas ao redor do mundo e com a realização dos Jogos Olímpicos no Rio de Janeiro, as autoridades têm ficado em estado de alerta sobre possíveis ações do terror. E foi justamente o medo de ser alvo de um atentado que aflingiu muitos belo-horizontinos e turistas nesta quinta-feira. Um avião da American Airlines, que viria de Miami para Belo Horizonte, teve que retornar ao seu ponto de partida por conta de uma ameaça de bomba. A informação foi passada à reportagem de O TEMPO, com exclusividade, por um passageiro mineiro que estava no voo, mas que não quis se identificar. Mais de 225 passageiros estavam na aeronave e ficaram assustados com a possibilidade de um ataque terrorista.

    No entanto, a suspeita não foi confirmada e nenhum artefato explosivo foi encontrado na aeronave. A empresa de aviação desmente a ameaça, afirma que o avião retornou à cidade americana por conta de um problema mecânico e que está trabalhando para reacomodar os passageiros nos próximos voos.

    O voo deveria ter saído de Miami nessa quarta-feira, mas foi remarcado para ontem, às 08h. Segundo o relato do passageiro, o avião decolou normalmente. Uma hora depois da decolagem, porém, o comandante avisou aos passageiros que eles precisariam retornar para Miami, e a aeronave começou a sobrevoar o mar para esvaziar o tanque de combustível.

    Chegando na cidade norte-americana, eles fizeram um pouso de emergência, e havia um grande número de ambulâncias no aeroporto. Quando os passageiros desceram do avião, todos tiveram que passar por uma revista. Nesse momento, eles foram avisados de que havia uma suspeita de bomba naquela aeronave. A informação, de acordo com o que foi passado aos passageiros e relatado a O TEMPO, foi passada por uma denúncia anônima feita por telefone.

    O passageiro que passou as informações à reportagem contou que houve choro e desespero por parte de famílias que voltavam de férias nos Estados Unidos. Até o momento, todos os 225 passageiros estão no saguão do aeroporto, aguardando por um novo voo para poderem retornar ao Brasil.

    A assessoria da American Airlines, no Brasil, informou que o atraso no voo e o retorno a Miami nada tem a ver com uma ameaça de bomba. A empresa disse o voo 991 deveria ter decolado na quarta-feira, por volta de 22 horas (horário local) e tinha previsão de chegada em BH por volta das 07h de quinta-feira. No entanto, problemas de escala impossibilitaram a decolagem, mudando o voo para o dia seguinte.

    A companhia aérea confirmou que a aeronave sobrevoou o mar para esvaziar o tanque de combustível, mas afirma que se trata de uma “situação normal”, já que a aeronave precisa estar dentro do peso de segurança para realizar a aterrissagem.

    Sobre os motivos do retorno a Miami, a assessoria informou que um problema mecânico foi apontado pelo sistema eletrônico do avião e que, por isso, eles tiveram que retornar. O voo então foi cancelado e a empresa disse os passageiros serão alocados nos próximos voos.

    Fonte: O tempo

    Sobre

    Exclusivamente voltado para matérias informativas em questões apologéticas, notícias e estudos bíblicos, este site tem o objetivo de servir como ferramenta de evangelização bem como alerta e preparo à igreja cristã sobre os últimos eventos que antecedem a Volta Gloriosa de nosso Senhor Jesus Cristo.

    Termos de Uso

    Você está autorizado e incentivado a reproduzir e distribuir os artigos em qualquer formato, desde que informe o(a) autor(a) e a fonte do artigo, bem como as fontes intermediárias, inclusive o Site "O Correio de Deus". Não é permitido a alteração do conteúdo original sem a devida notificação de alteração em cópia extraída deste site e muito menos a utilização para fins comerciais.
    Licença Creative Commons
    Este trabalho está licenciado com uma Licença