quinta-feira, 5 de maio de 2016

Teori arquiva acusações contra Dilma sobre irregularidades em Pasadena


Apesar desse arquivamento, Janot pediu a abertura de inquérito contra Dilma

FOLHAPRESS

A pedido da Procuradoria-Geral da República, o ministro do STF (Supremo Tribunal Federal) Teori Zavascki arquivou uma petição com acusações à presidente Dilma Rousseff de envolvimento nas irregularidades da compra da refinaria de Pasadena pela Petrobras.

O procurador-geral da República, Rodrigo Janot, não analisou o mérito das acusações contra Dilma, referentes à delação premiada do senador Delcídio do Amaral (ex-PT-MS), e solicitou o arquivamento sob o argumento de que a presidente não pode ser investigada por fatos estranhos ao seu mandato.
Teori aceitou o pedido de Janot e determinou o arquivamento.

Em seu depoimento, Delcídio não implicou Dilma diretamente, mas afirmou considerar que a aprovação da compra da refinaria pelo conselho de administração da Petrobras, presidido à época por Dilma, não ocorreu sem conhecimento da presidente.

Apesar desse arquivamento, Janot pediu a abertura de inquérito contra Dilma sob suspeita de tentativa de obstruir as investigações da Operação Lava Jato, também a partir da delação de Delcídio.

Fonte: O tempo
O CORREIO DE DEUS
O CORREIO DE DEUS

This is a short biography of the post author. Maecenas nec odio et ante tincidunt tempus donec vitae sapien ut libero venenatis faucibus nullam quis ante maecenas nec odio et ante tincidunt tempus donec.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

AVISO!

Desde já quero informar que todos serão responsabilizados pelos seus comentários!

Comentem mas com pudor e serenidade, pois só serão aceitos comentários que somam para o assunto caso contrário não serão publicados. Críticas são bem vindas desde que tenham coerência no que estão falando. E comentários de links e propagandas de outras páginas não serão publicados também. Temos uma visão conservadora e não desviaremos o foco do pensamento bíblico. Att; SITE O CORREIO DE DEUS

Grato pela atenção de todos.