quarta-feira, 18 de maio de 2016

Réplicas do terremoto de abril deixam um morto e 85 feridos no Equador


Da AFP

Uma pessoa morreu e 85 ficaram com ferimentos leves após dois sismos, de 6,8 e 6,7 graus, que abalaram nesta quarta-feira o Equador após os devastadores terremotos de um mês atrás, informou o presidente Rafael Correa.

"Teremos que lamentar um falecido: um idoso em Tosagua", localizada a 200 km ao sudoeste de Quito, indicou o presidente em uma coletiva de imprensa, acrescentando que 85 pessoas ficaram levemente feridas.

Após o sismo de 6,8 graus, às 02H57 locais (04H57 de Brasília), registrado esta madrugada, o país foi atingido por um novo tremor de 6,7 graus, às 11h47 locais (13h47 de Brasília), com epicentro na província costeira de Esmeraldas, no nordeste do país, na fronteira com a Colômbia, segundo o Instituto Geofísico.

Os epicentros das duas réplicas do terremoto de 7,8 graus de 16 de abril foram localizados perto do balneário de Mompiche, Esmeraldas.

"Réplica similar à desta madrugada. Intensidade 6,8, epicentro Mompiche. Não há alerta de tsunami. Em breve informe de possíveis danos", reportou o presidente Correa em sua conta no Twitter.

O novo terremoto, com várias réplicas de até 5,4 graus de magnitude e que foi sentido fortemente em várias localidades, inclusive na cidade colombiana de Cali, gerou alerta em Quito, onde as pessoas evacuaram edifícios, casas e entidades públicas como a chancelaria, constatou a AFP.


Muitas pessoas permaneciam nas ruas e parques como o de La Carolina, no norte da capital e onde fica o escritório da AFP.

Depois do primeiro sismo desta quarta-feira, o chefe de Estado havia se manifestado afirmando que "houve pessoas com ferimentos leves, mas basicamente porque saíram correndo, tropeçaram, coisas assim e também pequenos problemas na infraestrutura".
Correa pediu que o país mantenha a calma apesar de que a "natureza está nos colocando à prova" e advertiu que "haverá mais réplicas de mais de 6 graus".
O terremoto de um mês atrás devastou Esmeraldas e principalmente a vizinha província de Manabi (oeste), causando a morte de 700 pessoas, enquanto 29.000 desabrigados ainda permanecem em albergues.
O CORREIO DE DEUS
O CORREIO DE DEUS

This is a short biography of the post author. Maecenas nec odio et ante tincidunt tempus donec vitae sapien ut libero venenatis faucibus nullam quis ante maecenas nec odio et ante tincidunt tempus donec.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

AVISO!

Desde já quero informar que todos serão responsabilizados pelos seus comentários!

Comentem mas com pudor e serenidade, pois só serão aceitos comentários que somam para o assunto caso contrário não serão publicados. Críticas são bem vindas desde que tenham coerência no que estão falando. E comentários de links e propagandas de outras páginas não serão publicados também. Temos uma visão conservadora e não desviaremos o foco do pensamento bíblico. Att; SITE O CORREIO DE DEUS

Grato pela atenção de todos.