O primeiro-ministro israelense, Benjamin Netanyahu, afirmou neste domingo que seu país prosseguirá com as operações na fronteira com Gaza contra a construção de túneis, para que nenhuma galeria subterrânea desemboque em seu território.

"Israel continuará agindo toda vez que for necessário para detectar e prevenir a ameaça dos túneis no sul", disse aos jornalistas durante a abertura do conselho de ministros semanal. "Não buscamos uma escalada (de violência), mas nada nos impedirá de fazer o necessário para preservar a segurança".

Os últimos atos violentos na Faixa de Gaza ocorreram na manhã de sábado, quando a aviação israelense bombardeou a zona em represália pelo disparo de um foguete. As trocas de tiros pararam durante mais de 24 horas após quatro dias de hostilidades, as mais intensas desde a guerra do verão de 2014.

Na sexta-feira, Ismail Haniyeh, chefe do Hamas em Gaza, disse que seu movimento islamita, que governa na Faixa de Gaza, também não desejava uma nova guerra, mas insistiu que tinha o direito de resposta.

Fonte: AFP

Postar um comentário

AVISO!

Desde já quero informar que todos serão responsabilizados pelos seus comentários!

Comentem mas com pudor e serenidade, pois só serão aceitos comentários que somam para o assunto caso contrário não serão publicados. Críticas são bem vindas desde que tenham coerência no que estão falando. E comentários de links e propagandas de outras páginas não serão publicados também. Temos uma visão conservadora e não desviaremos o foco do pensamento bíblico. Att; SITE O CORREIO DE DEUS

Grato pela atenção de todos.

Author Name

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.