Por Renato Vargens

O ''pastor'' Lucinho Barreto publicou um vídeo (veja abaixo) onde incentiva a mentira na evangelização.

Em virtude disso, e por discordar dele, resolvi escrever duas razões básicas porque eu considero o ensino de Lucinho antibíblico e errado, senão vejamos:

1-) As Escrituras condenam a mentira.

Existem inúmeras textos bíblicos que apontam para isso. A Bíblia diz em Provérbios 12:22 “Os lábios mentirosos são abomináveis ao Senhor; mas os que praticam a verdade são o seu deleite.” Em Salmos 101:7 a Bíblia ensina que “O que usa de fraude não habitará em minha casa; o que profere mentiras não estará firme perante os meus olhos.” Também diz em Apocalipse 22:15 que “Ficarão de fora os cães, os feiticeiros, os adúlteros, os homicidas, os idólatras, e todo o que ama e pratica a mentira.” Em 1 João 2:4 o apóstolo ensina que “Aquele que diz: Eu o conheço, e não guarda os seus mandamentos, é mentiroso, e nele não está a verdade.” Efésios 4.25, 29 afirma: "Portanto, cada um de vocês deve abandonar a mentira e falar a verdade ao seu próximo, pois todos somos membros de um mesmo corpo."

2-) Os fins não justificam os meios.

Será que devemos dar um “jeitinho” em tudo para atingirmos os nossos objetivos? Será que para evangelizar torna-se necessário mentir? Ora, claro que não. Entretanto, essa sociedade encontra-se tão adoecida, que práticas como esta, se entranharam em nossos hábitos e costumes, fazendo-nos achar que não existe nenhum mal em ludibriar alguém através de uma mentira.

Isto posto concluo:

Como cristãos somos desafiados a não vivermos segundo as regras deste sistema. De maneira alguma podemos permitir que tanto a mentira como o relativismo conduzam nossas vidas. Portanto, Lucinho ao incentivar a mentira peca contra as Escrituras ensinando conceitos que jamais seriam ensinados pelo Senhor de nossas almas.

Poderia escrever outras razões e motivos, mas, penso que duas são suficientes para desmontar o relativismo de Lucinho.

Portanto, quer evangelizar? O faça, mas, por favor, pregue a verdade, somente a verdade!

É o que penso, é o que digo!

Postar um comentário

  1. levar jesus as pessoas através da mentira?que vá se converter um miseravel anti-cristo desses,filho de satanás mentiroso enganador,e o que mais me deixa triste é que tem crente cabeça-oca que não le a biblia e acredita em tudo que esse palhaço do inferno diz.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Isso se chama representação (teatro), não é mentira...
      O problema das pessoas é que não fazem e são cheias de razão para julgar... Os famosos Fariseus!!

      Excluir
  2. Eu nem conhecia esta criatura, mas só vem confirmar aquilo que penso. estas pessoas tem um deus criado por elas. Este deus foi feito de acordo sua imagem e semelhança/caráter. E, o que este Lucinho Barreto fez com o versiculo que diz que é o Espirito Santo quem convence do pecado, da justiça e do juízo? Ai daquele que quer dar uma "ajudinha" pra Deus. O diabo é o pai da mentira e num deerminado momento Jssus disse: Já se aproxima o principe deste mundo e ele não tem nada de mim!
    E, tem mais... sabe por que um Lucinho Barreto da vida é pastor? Porque não quer se submeter a autoridade, discipulado. A verdadeira autoridade vem de Deus. E, Deus não é Deus de confusão. Infelizmente, no meio evangélico há muitos "pastores" e "irmãos" trazendo dissenção e confusão! joio no meio do trigo ! Se alguem acha que estou julgando deve pensar assim. É a igreja que tem que influenciar o mundo e, não o mundo contaminar a igreja!
    Já não falarei muito convosco, porque se aproxima o príncipe deste mundo, e nada tem em mim;
    João 14:30

    ResponderExcluir
  3. As pessoas estão pegando algo pequeno e transformando em coisa monstruosa. Eu não sei vcs, mas já vi muitos evangelismo igual a este, é algo comum. Após a "discussão" , deixa-se claro que era somente um teatro. Se formos partir desse princípio de "fingir", logo deveremos abolir todas as encenações (teatro) das Igrejas inclusive do evangelismo.
    Vejam o que Paulo diz em 1 Coríntios 9:19
    " Porque, embora seja livre de todos, fiz-me escravo de todos, para ganhar o maior número possível de pessoas. Tornei-me judeu para os judeus, a fim de ganhar os judeus. Para os que estão debaixo da lei, tornei-me como se estivesse sujeito a Lei ( embora eu mesmo não estivesse debaixo da lei), a fim de ganhar os que estão debaixo da lei. Para os que estão sem lei, tornei-me como sem lei (embora não esteja livre da lei de Deus, e sim sob a lei de Cristo), a fim de ganhar os que não têm lei. Para com os fracos tornei-me fraco, para ganhar os fracos . Tornei-me tudo para com todos , para de alguma forma salvar alguns."
    Paulo tornou-se judeu novamente? Estava vivendo debaixo da lei? Estava vivendo sem lei? Se tornou fraco? De maneira nenhuma. Acredito que dessa vez faltou um pouco de interpretação....

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Tem muita gente hipócrita que não prega a palavra não evangeliza ainda quer falar mal de quem está disposto a se expor o evangelho

      Excluir
  4. Se situações como esta apresentada neste artigo geram confusão deve ser porque tem algo errado, não é? Vai perguntar pra igreja perseguida na Líbia, Nigéria, Coréia do Norte, Cuba, Irã... se estão representando? As crucificações, esquartejamentos, estupros, etc. são bem reais! O problema da igreja brasileira é que ela tá muito contaminada com a rede e, com os costumes deste mundo. O apÓstolo Paulo também disse:
    E foi com fraqueza, temor e com muito tremor que estive entre vocês.
    Minha mensagem e minha pregação não consistiram de palavras persuasivas de sabedoria, mas consistiram de demonstração do poder do Espírito,
    para que a fé que vocês têm não se baseasse na sabedoria humana, mas no poder de Deus.
    1 Coríntios 2:3-5

    ResponderExcluir

AVISO!

Desde já quero informar que todos serão responsabilizados pelos seus comentários!

Comentem mas com pudor e serenidade, pois só serão aceitos comentários que somam para o assunto caso contrário não serão publicados. Críticas são bem vindas desde que tenham coerência no que estão falando. E comentários de links e propagandas de outras páginas não serão publicados também. Temos uma visão conservadora e não desviaremos o foco do pensamento bíblico. Att; SITE O CORREIO DE DEUS

Grato pela atenção de todos.

Author Name

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.