sexta-feira, 27 de maio de 2016

Israel e Palestina: Aumentam as iniciativas para um "Acordo de Paz"


Para além da França, que anda tentando reunir mais de 20 países para no início de Junho realizar uma conferência para que se consiga a paz entre palestinos e israelenses, é agora o EGITO o novo país a tentar um acordo entre árabes e judeus. A proposta veio do próprio presidente al-Sisi, que convidou ambas as partes a se fazerem representar nas conversações a realizar na capital egípcia, o Cairo.

Ao contrário da França, o presidente egípcio tem andado a trabalhar atrás dos bastidores para tentar organizar uma cúpula entre o primeiro-ministro israelita Benjamin Netanayhu, o presidente da Autoridade Palestina Mahmoud Abbas e o próprio presidente egípcio Abdel Fattah al-Sisi, que servirá de intermediário nesse encontro a realizar no Cairo.

Segundo al-Sisi, "Existe uma oportunidade real para a paz, mesmo que a curto prazo não exista uma base sólida devido às atuais condições na região."

Não se sabe ao certo se ambas as partes envolvidas aceitarão o convite para a cúpula. Uma coisa é certa: sendo promovida por um árabe, torna-se conveniente para os palestinos. Ao mesmo tempo, e por outro lado, Netanyahu tem andado a dizer que está disponível para se encontrar com Abbas em qualquer altura, pelo que agora tem que comprovar a seriedade destas afirmações...

Fonte: Shalom, Israel e Últimos Acontecimentos
O CORREIO DE DEUS
O CORREIO DE DEUS

This is a short biography of the post author. Maecenas nec odio et ante tincidunt tempus donec vitae sapien ut libero venenatis faucibus nullam quis ante maecenas nec odio et ante tincidunt tempus donec.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

AVISO!

Desde já quero informar que todos serão responsabilizados pelos seus comentários!

Comentem mas com pudor e serenidade, pois só serão aceitos comentários que somam para o assunto caso contrário não serão publicados. Críticas são bem vindas desde que tenham coerência no que estão falando. E comentários de links e propagandas de outras páginas não serão publicados também. Temos uma visão conservadora e não desviaremos o foco do pensamento bíblico. Att; SITE O CORREIO DE DEUS

Grato pela atenção de todos.