sexta-feira, 22 de abril de 2016

Terra ainda treme no sul do Japão e Agência Meteorológica não sabe dizer até quando


“É muito difícil fazer previsões”, declarou um representante do órgão

Kumamoto- A atividade sísmica na região de Kyushu ainda não deu uma trégua para a população das províncias de Kumamoto e Oita. Nesta sexta-feira (22) completa oito dias desde o primeiro tremor intenso, que atingiu 7 graus de intensidade na escala japonesa, às 21h26 do dia 14.

De acordo com uma reportagem da emissora Nippon TV, a Agência Meteorológica fez um novo alerta para a frequência de tremores na região e avisou que novos abalos fortes ainda podem acontecer nos próximos dias.

“A atividade sísmica em Kyushu reduz e se intensifica momentaneamente, mas continua muito ativa. Ainda não temos nenhum sinal que indique uma volta à normalidade”, comentou um representante da Agência.

Segundo as informações do órgão, entre a noite do dia 14 até as 15h da última quinta-feira (21) foram registrados 767 tremores na região de Kumamoto, sendo que 17 deles marcaram mais de 5 graus na escala japonesa.

O Monte Aso, um vulcão ativo localizado na província de Kumamoto, chegou a expelir cinzas em uma pequena erupção que ocorreu logo após o segundo forte tremor, na madrugada do dia 16. No entanto, a Agência afirmou que a atividade vulcânica está estável desde então.

A Agência estima que a atividade sísmica cubra uma área que vai da província de Oita ao sudoeste da província de Kumamoto. “A área abrangida é extensa e pode aumentar. É muito difícil fazer previsões e estimativas relacionadas aos eventos sísmicos. Vamos continuar observando”, explicou o órgão.

Foto: Reuters
Rua danificada após série de terremotos em Kumamoto

O CORREIO DE DEUS
O CORREIO DE DEUS

This is a short biography of the post author. Maecenas nec odio et ante tincidunt tempus donec vitae sapien ut libero venenatis faucibus nullam quis ante maecenas nec odio et ante tincidunt tempus donec.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

AVISO!

Desde já quero informar que todos serão responsabilizados pelos seus comentários!

Comentem mas com pudor e serenidade, pois só serão aceitos comentários que somam para o assunto caso contrário não serão publicados. Críticas são bem vindas desde que tenham coerência no que estão falando. E comentários de links e propagandas de outras páginas não serão publicados também. Temos uma visão conservadora e não desviaremos o foco do pensamento bíblico. Att; SITE O CORREIO DE DEUS

Grato pela atenção de todos.