O Seu portal conservador de notícias, Evangelismo e Informação em defesa da fé Cristã

  • Últimas Notícias

    16 abril 2016

    O falso ataque ao site de Olavo de Carvalho (Sidi Muhammad): A mentira mais descarada de todos os tempos

    Hoje, ao abrir o Facebook, reparei que a mais recente mentira de Sidi Muhammad ganhou contornos "parlamentares". Para quem já conhece o bruxo, a manobra para gerar publicidade e atrair idiotas para o “curso” era mais do que evidente, porém, algumas pessoas que seguem o "católico perene" Sidi Muhammad continuam enganadas.
    Notem que o guru voltou a fazer o que já havia feito quando começamos a revelar as suas mentiras e o seu passado, tudo com provas e documentos: acusou "MAVs", organizações comunistas e interesses poderosos de atacarem a sua página, gerando assim confusão suficiente para que ele se esquivasse de responder algumas perguntas incómodas que lançamos. Para aumentar a gravidade disso, o assunto chegou à Câmara dos Deputados no Brasil por via do sujeito que se identifica como Pastor Marcos Feliciano. Por coincidência ou não, o mesmo “pastor Marcos Feliciano” voltou ao Parlamento para, dizendo basicamente a mesma coisa que já havia dito na intervenção passada, divulgar a mentira dos ataques e, ao mesmo tempo, promover o novo curso de Olavo de Carvalho.Hoje me deparei com um vídeo do mesmo, dizendo basicamente a mesma coisa que disse na intervenção passada (e usando o mesmo mau “português”).
    Conhecendo de antemão a qualidade dos jornalistas, resolvi fazer o que ninguém até ao momento fez, ou seja, investigar o suposto ataque em primeira-mão. Por sorte, o próprio Sidi Muhammad divulgou mais detalhes minutos a seguir:
    Como o guru afirmou :"A coisa foi tão grave que o próprio provedor teve que tirar a página do ar para que sua máquina não fosse prejudicada". Bem, visitei então o site http://seminariodefilosofia.org.ipaddress.com/ e verifiquei que o provedor é a empresa "SoftLayer Technologies". Podem ver aqui:

    Um ataque tão grande e devastador num provedor da SoftLayer (sub-empresa da IBM) seria um evento conhecido, pois a IBM se gaba da sua segurança, elaborando relatórios periódicos sobre a condição dos seus provedores, mundialmente conhecidos pela estabilidade. Claro que, apesar de toda a estranheza da situação, eu não poderia afirmar sem provas que Olavo de Carvalho estava a mentir para criar mais fama em torno de si. Foi então que entrei directamente em contacto com a SoftLayer Technologies. Após uma longa conversa com um funcionário, que me autorizou a divulgar o conteúdo, fiquei devidamente esclarecido.

    O funcionário não foi notificado a respeito de nenhuma ocorrência durante o dia 12, dia do suposto ataque, e nem sequer nos dias 13 e 14, sobre os quais inquiri para que não houvesse dúvidas. O Sr. Jordan ainda frisou que um ataque de tal magnitude não passaria sem uma nota oficial da IBM, além de que o transtorno afectaria centenas de clientes, pois cada servidor aloja mais de um site, e reiterou não ter recebido nenhum aviso de anomalia nos últimos dias. Podem consultar o site da empresa, na secção de notas públicas, para comprovarem que não houve nenhum ataque. Recomendo inclusive que se dirijam directamente à mesma para confirmar as informações. Se Olavo de Carvalho não mentiu, então só podemos concluir uma coisa: o ataque foi de tal gravidade e eficácia que nem a própria "SoftLayer" e a IBM se deram conta!E você amiguinho, também deu 400 reais para fazer o curso do picareta? Se deu, meus pêsames...

    Fonte: http://libertoprometheo.blogspot.com.br/2016/04/o-falso-ataque-ao-site-de-olavo-de.html

    Sobre

    Exclusivamente voltado para matérias informativas em questões apologéticas, notícias e estudos bíblicos, este site tem o objetivo de servir como ferramenta de evangelização bem como alerta e preparo à igreja cristã sobre os últimos eventos que antecedem a Volta Gloriosa de nosso Senhor Jesus Cristo.

    Termos de Uso

    Você está autorizado e incentivado a reproduzir e distribuir os artigos em qualquer formato, desde que informe o(a) autor(a) e a fonte do artigo, bem como as fontes intermediárias, inclusive o Site "O Correio de Deus". Não é permitido a alteração do conteúdo original sem a devida notificação de alteração em cópia extraída deste site e muito menos a utilização para fins comerciais.
    Licença Creative Commons
    Este trabalho está licenciado com uma Licença