Um trabalho conjunto entre policiais civis de Rondônia e Acre conseguiu prender Manoel Francisco Rocha de Araújo, o pai-avô de uma criança de apenas 2 meses e 14 dias, encontrada morta em um matagal de Porto Velho no último dia 6. A mãe da criança, filha de Manoel e que era abusada sexualmente por ele, também foi detida para esclarecer os fatos.

De acordo com o que apurou o jornal, Manoel estava se escondendo na Zona Rural do Município de Plácido de Castro, no Acre e foi preso quando estava em deslocamento por um ramal conhecido como “Vaqueiro”. Eles se escondiam pela região desde a decretação da prisão pela Justiça de Rondônia. O acusado será recambiado a Porto Velho na próxima semana, possivelmente na terça-feira.

O bebê foi encontrado morto em um matagal no Bairro Novo Horizonte, Zona Sul de Porto Velho. A criança, identificada como Silmara Andrade Monteiro Rocha, morreu, possivelmente, por maus tratos. O pai-avô, Manoel Francisco Rocha de Araújo abusava da mãe do bebê desde os 10 anos e já foi condenado a 15 anos de prisão, juntamente com a ex-esposa, pela morte de um outro filho.

Postar um comentário

AVISO!

Desde já quero informar que todos serão responsabilizados pelos seus comentários!

Comentem mas com pudor e serenidade, pois só serão aceitos comentários que somam para o assunto caso contrário não serão publicados. Críticas são bem vindas desde que tenham coerência no que estão falando. E comentários de links e propagandas de outras páginas não serão publicados também. Temos uma visão conservadora e não desviaremos o foco do pensamento bíblico. Att; SITE O CORREIO DE DEUS

Grato pela atenção de todos.

Author Name

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.