O Seu portal conservador de notícias, Evangelismo e Informação em defesa da fé Cristã

  • Últimas Notícias

    01 março 2016

    Pastor é preso por se opor à retirada de cruzes


    A província de Zhejiang, cuja capital é Hangzhou, lançou uma campanha para retirar as cruzes cristãs dos telhados de locais de culto

    Da AFP

    O pastor da principal igreja protestante de Hangzhou (leste da China) foi preso por peculato, depois que se opôs à retirada de cruzes cristãs, anunciou nesta terça-feira (1) a imprensa oficial chinesa.

    A província de Zhejiang, cuja capital é Hangzhou, lançou uma campanha para retirar as cruzes cristãs dos telhados de locais de culto, uma iniciativa criticada pelos opositores, que consideram a medida uma regressão religiosa.

    A polícia local deteve o chefe da igreja, o pastor Gu Yuese, suspeito de peculato e outros "crimes econômicos", informou o jornal Zhejiang Daily.

    Em maio passado a igreja tinha protestado contra as novas regras provinciais sobre os edifícios religiosos, uma crítica rara de uma instituição aprovada e controlada pelo Estado.

    A nova regulamentação determina que as cruzes não podem ser colocadas sobre o telhado das igrejas, mas na fachada, e não devem superar mais do que um décimo da altura dos edifícios.

    A prisão deste pastor ocorre uma semana após a condenação a 14 anos de prisão de um outro pastor protestante, Bao Guohua, também acusado de peculato depois de se opor à remoção das cruzes.

    A esposa de Bao Guohua, Xing Wenxiang, foi condenada a 12 anos de prisão, informou a imprensa.

    Fonte: O tempo

    Sobre

    Exclusivamente voltado para matérias informativas em questões apologéticas, notícias e estudos bíblicos, este site tem o objetivo de servir como ferramenta de evangelização bem como alerta e preparo à igreja cristã sobre os últimos eventos que antecedem a Volta Gloriosa de nosso Senhor Jesus Cristo.

    Termos de Uso

    Você está autorizado e incentivado a reproduzir e distribuir os artigos em qualquer formato, desde que informe o(a) autor(a) e a fonte do artigo, bem como as fontes intermediárias, inclusive o Site "O Correio de Deus". Não é permitido a alteração do conteúdo original sem a devida notificação de alteração em cópia extraída deste site e muito menos a utilização para fins comerciais.
    Licença Creative Commons
    Este trabalho está licenciado com uma Licença