quinta-feira, 10 de março de 2016

Ministério Público de SP pede prisão preventiva de Lula


Lula, que sabidamente sempre gostou de uma boa cana, agora vai se sentir em casa...

O Ministério Público de São Paulo (MP-SP) pediu a prisão preventiva do ex-presidente Luís Inácio Lula da Silva e de mais seis pessoas. Os promotores paulistas detalharam nesta quinta-feira (10) a denúncia contra Lula e mais 15 pessoas referente à investigação sobre o caso do triplex do Guarujá (SP).

Eles também pediram a prisão preventiva de José Aldemário Pinheiro, o Léo Pinheiro, Fábio Honri Yonamine, Roberto Moreira Ferreira, João Vaccari Neto, Ana Maria Érnica e Vagner de Castro, conforme documento obtido pelo jornal O Globo. Na denúncia distribuída pelo MP-SP à imprensa, não consta esse pedido.

Como justificativa para o pedido de prisão de Lula, os promotores afirmam:

"Necessária ainda a prisão cautelar para conveniência da instrução, pois igualmente demonstrado que o denunciado se vale de sua condição de ex-Presidente da República para se colocar 'acima ou à margem da lei”.

Os promotores seguem com a justificativa do pedido:

"Além disso, o denunciado se vale de sua força político-partidária para movimentar grupos de pessoas que promovem tumultos e confusões generalizadas, com agressões a outras pessoas, com evidente cunho de tentar blindá-lo do alvo de investigações e de eventuais processos criminais, trazendo verdadeiro caos para o tão sofrido povo brasileiro".

No pedido, o MP fala em "rede violenta de apoio".

"Em sendo assim, imprescindível também se mostra o decreto da prisão preventiva do denunciado, em razão da conveniência da instrução criminal, pois os motivos são suficientes a permitir a conclusão de que movimentará ele toda a sua 'rede' violenta de apoio para evitar que o processo crime que se inicia com a presente denúncia não tenha seu curso natural, com probabilidade evidente de ameaças a vitimas e testemunhas e prejuízo na produção das demais provas do caso, impedindo até mesmo o acesso no ambiente forense, intimidando-as a tanto".

Os promotores Cássio Conserino, Luís Henrique Araújo e José Carlos Blat disseram que cabe ao MP paulista investigar o caso, contestando qualquer conflito de atribuição com a força-tarefa da Operação Lava Jato, que apura desvios na Petrobras. explicaram que todas as negociações ocorriam na capital paulista.

Além de Lula, confirmaram a denúncia contra a ex-primeira-dama Marisa Letícia, Fábio Luís Lula da Silva, que é filho de Lula, o ex-tesoureiro do PT João Vaccari Neto e o ex-presidente da OAS Léo Pinheiro. Lula foi denunciado por lavagem de dinheiro e falsidade ideológica. Dona Marisa por falsidade ideológica e Lulinha, por lavagem de dinheiro. O caso envolve a Bancoop, cooperativa habitacional dos bancários de São Paulo, e a OAS.

Na cadeia, a única presidência que ele vai poder disputar é a do PCC.

Leonardo Souza


Leonardo Souza
Leonardo Souza

This is a short biography of the post author. Maecenas nec odio et ante tincidunt tempus donec vitae sapien ut libero venenatis faucibus nullam quis ante maecenas nec odio et ante tincidunt tempus donec.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

AVISO!

Desde já quero informar que todos serão responsabilizados pelos seus comentários!

Comentem mas com pudor e serenidade, pois só serão aceitos comentários que somam para o assunto caso contrário não serão publicados. Críticas são bem vindas desde que tenham coerência no que estão falando. E comentários de links e propagandas de outras páginas não serão publicados também. Temos uma visão conservadora e não desviaremos o foco do pensamento bíblico. Att; SITE O CORREIO DE DEUS

Grato pela atenção de todos.