Suspeitos, de 15 e 16 anos de idade, compareceram nesta quarta-feira a um tribunal de Jerusalém, para prestar esclarecimentos

A polícia israelense anunciou nesta quarta-feira (20) a prisão de dois adolescentes judeus que podem ser responsáveis pelas pinturas com mensagens anti-cristãs que apareceram na Abadia da Dormição de Jerusalém.

Os suspeitos, de 15 e 16 anos de idade, compareceram nesta quarta-feira a um tribunal de Jerusalém, informou a polícia.

Wadi Abunasar, porta-voz das igrejas católicas da Terra Santa, disse à AFP que entre os grafites descobertos no domingo podiam ser lidas frases como: "Que o nome de Jesus seja apagado" e "Morte aos infiéis cristãos inimigos de Israel".

O representante destacou que esse ataque é diferente de outros sofridos pela mesma igreja, já que nessa ocasião houve um chamado explícito à violência.

Em maio de 2014, um incêndio criminoso destruiu uma cruz e vários móveis da abadia, que é, de acordo com a tradição cristã, o lugar onde Maria, a mãe de Jesus, teria morrido.

Fonte: O tempo

Postar um comentário

AVISO!

Desde já quero informar que todos serão responsabilizados pelos seus comentários!

Comentem mas com pudor e serenidade, pois só serão aceitos comentários que somam para o assunto caso contrário não serão publicados. Críticas são bem vindas desde que tenham coerência no que estão falando. E comentários de links e propagandas de outras páginas não serão publicados também. Temos uma visão conservadora e não desviaremos o foco do pensamento bíblico. Att; SITE O CORREIO DE DEUS

Grato pela atenção de todos.

Author Name

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.