O Seu portal conservador de notícias, Evangelismo e Informação em defesa da fé Cristã

  • Últimas Notícias

    03 dezembro 2015

    Vídeo do EI mostra crianças-soldado matando reféns


    O grupo Estado Islâmico (EI) publicou nesta quinta-feira um vídeo que mostra seis crianças-soldado executando membros das forças de segurança sírias feitos reféns pela organização extremista.

    Chamado "Às crianças judias", o vídeo mostra dezenas de meninos, de cerca de 10 anos de idade, estudando textos religiosos e indo para o combate corpo a corpo.

    Seis deles são escolhidos pelo instrutor para "enviar uma mensagem" aos opositores do EI, matando membros das forças de segurança sírias prisioneiros do grupo que desde 2013 ocupa a Síria, país devastado pela guerra.

    Cada um dos meninos é mostrado depois correndo através de uma fortaleza em ruínas, com uma trilha sonora dramática, até encontrar um prisioneiro. Cada prisioneiro diz seu nome, sua data de nascimento e explica seu papel nas forças de segurança do regime.

    O vídeo, que segundo o grupo foi filmado no leste da província síria de Deir Ezzor (leste), mostra as crianças executando os seis cativos; cinco são mortos por tiros e um é enforcado.

    Um programa chamado "jovens leões do Califado" pelo EI mostra um treinamento militar e religioso intensivo às crianças nas diferentes regiões controladas pelo grupo extremista na Síria.

    Segundo o Observatório Sírio de Direitos Humanos (OSDH), o EI recrutou mais de 1.100 crianças desde o início do ano, e mais de 50 foram mortas.

    "O que é chocante é que o grupo não esconde, publiciza", declarou à AFP Nadim Houry, vice-presidente da Human Rights Watch (HRW) para o Oriente Médio e Norte da África.

    "O recurso às crianças-soldado fazem par
    te de um esforço de doutrinação muito maior...O EI não para de dizer que eles são a nova geração", afirmou.

    Responsável por atrocidades e acusado de crimes contra a Humanidade, o EI divulgou múltiplos vídeos de execuções por métodos bárbaros desde que assumiu o controle de grandes áreas do território da Síria e do Iraque, sobre os quais ele proclamou um "califado". Tais vídeos tornaram-se sua principal arma de propaganda.

    Fonte: AFP

    Sobre

    Exclusivamente voltado para matérias informativas em questões apologéticas, notícias e estudos bíblicos, este site tem o objetivo de servir como ferramenta de evangelização bem como alerta e preparo à igreja cristã sobre os últimos eventos que antecedem a Volta Gloriosa de nosso Senhor Jesus Cristo.

    Termos de Uso

    Você está autorizado e incentivado a reproduzir e distribuir os artigos em qualquer formato, desde que informe o(a) autor(a) e a fonte do artigo, bem como as fontes intermediárias, inclusive o Site "O Correio de Deus". Não é permitido a alteração do conteúdo original sem a devida notificação de alteração em cópia extraída deste site e muito menos a utilização para fins comerciais.
    Licença Creative Commons
    Este trabalho está licenciado com uma Licença