quinta-feira, 10 de dezembro de 2015

Cristãos são presos mesmo sendo inocentes


De Missão Portas Abertas

''Eles passaram vários anos dentro de uma prisão aguardando a decisão da justiça''


Um grupo internacional da Portas Abertas recentemente esteve em Chiapas, um estado do México, para incentivar e orar pelos cristãos que são perseguidos por sua fé. Durante a viagem, o grupo reuniu-se com os cristãos que foram libertados de uma prisão.

As prisões ocorreram como resultado do assassinato de 45 índios tzotzis, nome de uma tribo que, traduzido significa ‘povo do morcego’. Na ocasião do confronto, em 1997, 79 cristãos foram presos injustamente, e condenados à pena de 26 a 36 anos de cárcere privado. Ao longo dos anos, e após inúmeros processos judiciais, eles foram liberados depois de terem sido declarados inocentes. Atualmente, apenas um deles continua preso.

"A situação dos cristãos é complicada tanto dentro quanto fora da prisão, porque quando saem são forçados a viver em regiões desconhecidas, e na maioria das vezes, não encontram trabalho. Além disso, existe a questão psicológica, porque eles foram presos injustamente e não mereciam viver o que viveram", comenta um dos analistas de perseguição.

Durante esses anos de prisão, representantes da Portas Abertas ministraram a palavra de Deus a estes homens e suas famílias, providenciando inclusive as visitas regulares dos parentes mais próximos, além de trabalhar em conjunto com os advogados para agilizar a justiça. Campanhas de cartas foram realizadas no mundo todo, para que eles recebessem mensagens de encorajamento e força. "Eles estavam presos, mas com a união da igreja de Cristo receberam conforto e paz de espírito", conclui o analista. Ore por todos eles e, em especial, pelo único cristão que ainda continua preso, para que Deus providencie sua liberdade em breve.
O CORREIO DE DEUS
O CORREIO DE DEUS

This is a short biography of the post author. Maecenas nec odio et ante tincidunt tempus donec vitae sapien ut libero venenatis faucibus nullam quis ante maecenas nec odio et ante tincidunt tempus donec.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

AVISO!

Desde já quero informar que todos serão responsabilizados pelos seus comentários!

Comentem mas com pudor e serenidade, pois só serão aceitos comentários que somam para o assunto caso contrário não serão publicados. Críticas são bem vindas desde que tenham coerência no que estão falando. E comentários de links e propagandas de outras páginas não serão publicados também. Temos uma visão conservadora e não desviaremos o foco do pensamento bíblico. Att; SITE O CORREIO DE DEUS

Grato pela atenção de todos.