O Seu portal conservador de notícias, Evangelismo e Informação em defesa da fé Cristã

  • Últimas Notícias

    18 outubro 2015

    Revelado o segredo de Abraão


    O Segredo de Abraão: Fé e Obediência.
    Essas são as 2 principais atitudes que Deus espera de todos nós e que Abraão demonstrou ter de sobra. Tendo fé em Deus e obediência na Sua palavra estaremos fazendo a vontade do nosso Pai, e dessa forma atraindo as bênçãos de Deus para nossa vida.


    Veja por que Abraão é conhecido como pai da fé, e foi um dos homens mais abençoados da história da humanidade, para isso iremos acompanhar o capítulo 22 de Gênesis:
    "E aconteceu depois destas coisas, que provou Deus a Abraão, e disse-lhe: Abraão! E ele disse: Eis-me aqui." Gen 22:1
    1 - Deus prova a fé de quem escuta o seu chamado. Abraão respondeu "Eis-me aqui" quando Deus o chamou. Quando estamos na igreja e a pregação fala conosco, ou quando lemos a bíblia e somos confrontados em alguma situação que precisamos mudar, Deus está desafiando nossa fé. Devemos OBEDECER esse chamado sem hesitar.
    "E disse: Toma agora o teu filho, o teu único filho, Isaque, a quem amas, e vai-te à terra de Moriá, e oferece-o ali em holocausto sobre uma das montanhas, que eu te direi.
    Então se levantou Abraão pela manhã de madrugada, e albardou o seu jumento, e tomou consigo dois de seus moços e Isaque seu filho; e cortou lenha para o holocausto, e levantou-se, e foi ao lugar que Deus lhe dissera." Gen 22:2-3
    2 - O pedido de Deus foi à Abraão não foi nada simples de se fazer. Às vezes o que Deus nos pede através da Sua palavra (quando lemos a bíblia, ou pela pregação do pastor na igreja) pode nos parecer loucura... inadequado ou até desafia nossa razão e emoção. Temos a tendência de ver as coisas com nossos olhos (humanos e carnais), mas o propósito de Deus é mais elevado. Assim como Abraão fez, devemos tomar a difícil decisão de OBEDECER por Fé.
    3 - Veja que Abraão não falou com ninguém o que Deus tinha falado, apenas se aprontou e saiu cedo. Não devemos comentar com outras pessoas o que Deus nos pede. Se Abraão comentasse com Sarah ou com seus servos o que iria fazer, certamente eles diriam que estava louco e não o deixariam obedecer à Deus, pois não tinham a mesma fé nem a mesma comunhão com Deus que Abraão. O mesmo ocorre com muitos de nós em relação à nossa família e amigos, temos que cuidar o que falamos com os que não têm temor nem comunhão com Cristo. Deus trabalha com cada pessoa de uma forma diferente. O que Deus falou ao seu coração nem sempre irá falar com outras pessoas.
    4 - Certamente Abraão não se sentiu confortável nem feliz quando Deus pediu seu precioso filho, mas como confiava em Deus, ele obedeceu sem questionar. Tem coisas que iremos fazer APENAS por fé e obediência à palavra.... pois pela nossa vontade não faríamos. Abraão sabia que no fim Deus sempre tem o melhor para nossas vidas. Temos que nos render a palavra e passar por cima da nossa vontade.
    "Ao terceiro dia levantou Abraão os seus olhos, e viu o lugar de longe.
    E disse Abraão a seus moços: Ficai-vos aqui com o jumento, e eu e o moço iremos até ali; e havendo adorado, tornaremos a vós." Gen 22:4-5
    5 - Veja que Abraão caminhou durante longos e angustiantes 3 dias sem Deus falar 1 só palavra. Certamente deve ter passado pela cabeça de Abraão desistir, retroceder, ou mesmo que não haveria solução. Geralmente nessa hora o diabo coloca dúvidas na nossa cabeça em relação ao proprósito de Deus. Muitas vezes quando fazemos algo por fé e obediência à Deus, nossos problemas continuam ou até aumentam, parece que nada vai mudar, parece até que demora para Deus agir.
    Nessa hora o Diabo vai nos tentar a desistir... mas Abraão seguiu firme e em obediência.
    6 - Veja que Abraão disse aos seus servos que iriam "ali no monte" adorar e que ambos voltariamEle não mentiu, mas sim PROFETIZOU a vitória pois confiava em Deus e na Sua fidelidade. Abraão teve visão espiritual da situação.
    7 - Tem pessoas que podem ir conosco até um certo ponto, depois irão acabar nos atrapalhando. Por isso Abraão dispensou a companhia dos servos... pois Deus não havia falado com eles, não estavam na mesma fé. Muitas vezes nossos amigos e até familiares se afastarão de nós quando decidirmos nos colocar em obediência à Palavra de Deus.
    "Então falou Isaque a Abraão seu pai, e disse: Meu pai! E ele disse: Eis-me aqui, meu filho! E ele disse: Eis aqui o fogo e a lenha, mas onde está o cordeiro para o holocausto?
    E disse Abraão: DEUS PROVERÁ PARA SI o cordeiro para o holocausto, meu filho. Assim caminharam ambos juntos." Gen 22:7-8
    8 - Quando o filho perguntou a ele sobre o cordeiro, foi o ápice da tentação emocional!
    Abraão tinha convicção de que.... se foi Deus quem mandou, de alguma forma ele iria providenciar o escape. A tarefa de providenciar cabe à Deus, à nós cabe confiar e agir por fé, pois os propósitos de Deus estão bem acima do NOSSO entendimento.
    9 - Abraão sabia que a solução não viria da sua própria mão, mas da parte de Deus. Ele só precisaria seguir o caminho da obediência até o final para ver a ação de Deus. Na tribulação, Abraão confessou a confiança na Palavra de Deus.
    "E estendeu Abraão a sua mão, e tomou o cutelo para imolar o seu filho;
    Mas o anjo do Senhor lhe bradou desde os céus, e disse: Abraão, Abraão! E ele disse: Eis-me aqui.
    Então disse: Não estendas a tua mão sobre o moço, e não lhe faças nada; porquanto agora sei que temes a Deus, e não me negaste o teu filho, o teu único filho.
    Então levantou Abraão os seus olhos e olhou; e eis um carneiro detrás dele, travado pelos seus chifres, num mato; e foi Abraão, e tomou o carneiro, e ofereceu-o em holocausto, em lugar de seu filho. E chamou Abraão o nome daquele lugar: o Senhor proverá;" Gen 22:10-14


    10 - Deus aparece quando você está próximo do fim. Ele sabe o limite de cada um e no momento certo Deus se manifesta com poder para resolver a situação.
    Deus quer que tenhamos temor pela Sua Palavra... Essa é a finalidade das nossas provações!
    11 - O quanto antes vivermos na Palavra, antes Deus terá legalidade para agir poderosamente em nosso favor. A provação de Abraão durou 3 dias, mas alguns são provados por muito mais tempo, até se colocar completamente sob a vontade de Deus.
    12 - Justamente o que Abraão profetizou e confessou com sua boca aconteceu, e Deus no final proveu o cordeiro para o sacrifício. Deus já providenciou o Cordeiro para se sacrificar em nosso lugar... Jesus Cristo morreu na cruz por todos os nossos pecados.
    13 - Não só com Abraão, mas com praticamente TODOS os principais personagens bíblicos, a bênção (ou não) de Deus está ligada à algumas AÇÕES que precisamos tomar em fé e obediência à sua palavra. Mesmo recebendo a ordem de Deus, se Abraão ficasse na sua casa aguardando, NADA aconteceria. Dessa mesma forma, quando ouvimos a Palavra de Deus, precisamos tomar uma atitude... nossas ações em fé e obediência movem a mão de Deus em nosso favor.
    O restante do capítulo 22 de Gênesis é só promessas de bênçãos à Abraão e sua descendência, tudo por causa das ações que ele tomou em FÉ E OBEDIÊNCIA.
    Conclusão:
    Quando pôs em seu coração sacrificar seu único filho por amor e obediência à Deus... O caráter de Abraão se tornou parecido com o caráter de Deus, que da mesma forma entregou seu único filho para ser crucificado por amor à toda humanidade.


    Por causa da sua fé e obediência, Abraão - mesmo sem Sara poder ter filhos - foi o patriarca da nação de Israel e um dos homens mais prósperos de todos os tempos na história.
    Deus espera que hoje sacrifiquemos nossa vontade carnal, abrindo mão de coisas mundanas e passageiras que amamos e gostamos nesse mundo.... por amor e obediência à Sua Palavra. 
    Somente dessa forma poderemos alcançar a vida eterna.
    Paz,
    Por Leonardo Souza.

    Sobre

    Exclusivamente voltado para matérias informativas em questões apologéticas, notícias e estudos bíblicos, este site tem o objetivo de servir como ferramenta de evangelização bem como alerta e preparo à igreja cristã sobre os últimos eventos que antecedem a Volta Gloriosa de nosso Senhor Jesus Cristo.

    Termos de Uso

    Você está autorizado e incentivado a reproduzir e distribuir os artigos em qualquer formato, desde que informe o(a) autor(a) e a fonte do artigo, bem como as fontes intermediárias, inclusive o Site "O Correio de Deus". Não é permitido a alteração do conteúdo original sem a devida notificação de alteração em cópia extraída deste site e muito menos a utilização para fins comerciais.
    Licença Creative Commons
    Este trabalho está licenciado com uma Licença