sexta-feira, 9 de outubro de 2015

Quatro mísseis russos dirigidos à Síria caíram no Irã

A fonte não forneceu detalhes sobre as áreas atingidas no Irã, país aliado da Rússia em defesa do regime de Bashar al-Assad, nem sobre quaisquer danos causados pelos mísseis


Quatro mísseis de cruzeiro lançados na quarta-feira pela Rússia em direção à Síria atingiram o Irã, declarou nesta quinta-feira um funcionário americano.

"Quatro mísseis russos caíram ontem (quarta-feira) no Irã", disse a fonte à AFP, ao confirmar uma informação fornecida pela rede CNN.

A fonte não forneceu detalhes sobre as áreas atingidas no Irã, país aliado da Rússia em defesa do
regime de Bashar al-Assad, nem sobre quaisquer danos causados pelos mísseis.

A autoridade também não quis especificar exatamente o nome do míssil de cruzeiro utilizado.

Na quarta-feira, o ministro da Defesa russo publicou em seu site um infográfico mostrando a trajetória dos mísseis disparados (26, de acordo com ele), a cerca de 1.500 km de distância, sobrevoando o Irã e o Iraque antes de cair na Síria, evitando assim o espaço aéreo da Turquia e do Azerbaijão.

A Rússia, que realiza bombardeios desde 30 de setembro na Síria, apoia uma ampla ofensiva lançada pelo exército do regime em várias frentes de combates no país.

O Hezbollah libanês, apoiado por Teerã, também está envolvido nos combates ao lado do exército sírio.

O secretário de Defesa dos Estados Unidos, Ashton Carter, lamentou nesta quinta-feira que os russos tenham disparado "mísseis de cruzeiro de um navio a partir do Mar Cáspio sem aviso prévio".

Da O tempo
O CORREIO DE DEUS
O CORREIO DE DEUS

This is a short biography of the post author. Maecenas nec odio et ante tincidunt tempus donec vitae sapien ut libero venenatis faucibus nullam quis ante maecenas nec odio et ante tincidunt tempus donec.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

AVISO!

Desde já quero informar que todos serão responsabilizados pelos seus comentários!

Comentem mas com pudor e serenidade, pois só serão aceitos comentários que somam para o assunto caso contrário não serão publicados. Críticas são bem vindas desde que tenham coerência no que estão falando. E comentários de links e propagandas de outras páginas não serão publicados também. Temos uma visão conservadora e não desviaremos o foco do pensamento bíblico. Att; SITE O CORREIO DE DEUS

Grato pela atenção de todos.