quinta-feira, 29 de outubro de 2015

El Niño agrava vazante do rio Negro em Manaus, AM


El Niño agrava vazante do rio Negro em Manaus, AM
Com a irregularidade da precipitação verificada desde a metade oeste até a região de Manaus, no estado do Amazonas, o nível do rio Negro não para de cair com a vazante.
Nesta quarta-feira (28), o Serviço Geológico do Brasil (CPRM) registrou nível de 15,92 metros na capital. Desde o início do mês, o rio já recuou 7,26 metros, bem mais acelerado que em anos anteriores. Casas flutuantes e barcos ficaram encalhados próximo à ponte São Raimundo.
Mesmo com histórico de chuvas abundantes e acima da média climatológica (1961-1990) no extremo oeste do estado, em anos de El Niño, 2015 vem mostrando que o fenômeno tem mantido bastante irregular a taxa de precipitação onde mais deveria chover, uma vez que nas demais áreas do Amazonas, bem como de toda a Região Norte, tradicionalmente, eventos de El Niño retardam o início da chuva.
Outro rio que vem sofrendo as consequências da vazante acelerada é o Solimões, onde em vários trechos, a Marinha do Brasil proibiu a navegação para evitar acidentes até Coari.



(Crédito da imagem: Edmar Barros/Futura Press/Estadão Conteúdo – Leandro Tapajós)

(Fonte da informação: De Olho No Tempo Meteorologia)

O CORREIO DE DEUS
O CORREIO DE DEUS

This is a short biography of the post author. Maecenas nec odio et ante tincidunt tempus donec vitae sapien ut libero venenatis faucibus nullam quis ante maecenas nec odio et ante tincidunt tempus donec.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

AVISO!

Desde já quero informar que todos serão responsabilizados pelos seus comentários!

Comentem mas com pudor e serenidade, pois só serão aceitos comentários que somam para o assunto caso contrário não serão publicados. Críticas são bem vindas desde que tenham coerência no que estão falando. E comentários de links e propagandas de outras páginas não serão publicados também. Temos uma visão conservadora e não desviaremos o foco do pensamento bíblico. Att; SITE O CORREIO DE DEUS

Grato pela atenção de todos.