O Seu portal conservador de notícias, Evangelismo e Informação em defesa da fé Cristã

  • Últimas Notícias

    14 outubro 2015

    Cristãos não são aceitos em diversos países e vivem deslocados


    Mesmo os que já conseguiram asilo são rejeitados e reenviados ao país de origem

    De acordo com informações da rádio Free Asia, no mês passado as autoridades do Camboja declararam que os montanheses fugiram do Vietnã por causa de uma grave crise econômica, e por conta disso, estão planejando repatriar os "imigrantes ilegais".

    Um analista de perseguição comentou: "Camboja não quer decepcionar o Vietnã, seu vizinho e grande companheiro comunista, mas as autoridades do Camboja já anunciaram que não será mais permitida a entrada de cristãos no país. Quer dizer que todo cristão será reenviado ao Vietnã".

    De acordo com a UCA News, nem mesmo os 13 montanheses que já receberam asilo, com a ajuda do escritório local do ACNUR (Alto Comissariado das Nações Unidas para os Refugiados), serão autorizados a permanecer no Camboja. O ACNUR tem aconselhado que eles busquem outro país disposto a recebê-los. "Isso mostra como tem sido difícil a vida dos cristãos montanheses que são obrigados a se deslocarem e nunca são bem-vindos em lugar nenhum", conclui o analista.

    Fonte: Portas Abertas Internacional

    Sobre

    Exclusivamente voltado para matérias informativas em questões apologéticas, notícias e estudos bíblicos, este site tem o objetivo de servir como ferramenta de evangelização bem como alerta e preparo à igreja cristã sobre os últimos eventos que antecedem a Volta Gloriosa de nosso Senhor Jesus Cristo.

    Termos de Uso

    Você está autorizado e incentivado a reproduzir e distribuir os artigos em qualquer formato, desde que informe o(a) autor(a) e a fonte do artigo, bem como as fontes intermediárias, inclusive o Site "O Correio de Deus". Não é permitido a alteração do conteúdo original sem a devida notificação de alteração em cópia extraída deste site e muito menos a utilização para fins comerciais.
    Licença Creative Commons
    Este trabalho está licenciado com uma Licença