quarta-feira, 30 de setembro de 2015

Estado Islâmico planeja matar milhões de cristãos com bomba nuclear


Grupo extremista promete fazer a maior "limpeza religiosa da história"

Uma reportagem de hoje no jornal inglês The Mirror traz uma grave denúncia. O grupo extremista Estado Islâmico planeja matar milhões de pessoas de uma vez com um holocausto nuclear.
Quem assina a matéria investigativa é o jornalista alemão Jurgen Todenhofer, de 75 anos. Ele passou-se por radical e ficou 10 dias com o grupo na Síria. Ele está lançando o livro “Dentro do EI — Dez dias no Estado Islâmico”.
Todenhofer explica que o plano do EI é fazer a “maior limpeza religiosa da história”. Segundo ele, a intenção é que o ataque seja um “tsunami nuclear”.
“Os terroristas planejam matar centenas de milhões de pessoas. O Ocidente está subestimando drasticamente o poder do Estado Islâmico”, relata ele no livro. A ideia é dizimar principalmente os cristãos.
O jornalista já esteve envolvido na política e trabalhou com a chanceler Angela Merkel, mas abandonou a carreira para se dedicar a sua profissão de origem. Ele conta que negociou a visita aos terroristas via Skype e que viajou, mesmo com medo. Durante sua passagem por Mosul, conheceu o assassino Mohammed Emwazi, conhecido pela mídia como “Jihadi John”.
“As decapitações são estratégias para provocar medo nos inimigos e têm funcionado bem. Observe a captura de Mosul, no Iraque, feita com menos de 400 homens”, enfatiza. “Eles são o inimigo mais brutal e perigoso que já vi na vida. Não vejo ninguém que tenha uma chance real de pará-los”, finaliza Jurgen.

Gospel Prime
O CORREIO DE DEUS
O CORREIO DE DEUS

This is a short biography of the post author. Maecenas nec odio et ante tincidunt tempus donec vitae sapien ut libero venenatis faucibus nullam quis ante maecenas nec odio et ante tincidunt tempus donec.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

AVISO!

Desde já quero informar que todos serão responsabilizados pelos seus comentários!

Comentem mas com pudor e serenidade, pois só serão aceitos comentários que somam para o assunto caso contrário não serão publicados. Críticas são bem vindas desde que tenham coerência no que estão falando. E comentários de links e propagandas de outras páginas não serão publicados também. Temos uma visão conservadora e não desviaremos o foco do pensamento bíblico. Att; SITE O CORREIO DE DEUS

Grato pela atenção de todos.