Corpos de um adulto e de duas crianças foram resgatados de um deslizamento de terra na cidade de Good Hope

A tempestade tropical Erika deixou, nesta quinta-feira (27), pelo menos três mortos e quatro desaparecidos na ilha caribenha de Dominica, enquanto avança em direção a Porto Rico e à ilha de Santo Domingo, em estado de alerta para ventos fortes e chuvas.
Os corpos de um adulto e de duas crianças foram resgatados de um deslizamento de terra na cidade de Good Hope, em Dominica, noticiou o jornal TheDominican.net, que informou sobre fortes chuvas e inundações que deixaram pelo menos outros quatro desaparecidos.

"Temos que nos preparar para um período de grandes desafios", advertiu em Santa Lucia, onde estava em visita, o premiê de Dominica, Roosevelt Skerrit, ao falar dos numerosos danos à infra-estrutura da pequena ex-colônia britânica.
Um helicóptero procedente de Trinidad colabora nos trabalhos de resgate na região de Petite Savanne, uma das mais afetadas pelas fortes chuvas.

Dominica recebeu mais de 300 mm de chuvas, segundo o Centro Nacional de Furacões (NHC, em inglês), com sede em Miami, na Flórida (sudeste dos EUA).

Erika tinha ventos de 75 km/h quando estava 280 km a oeste da ilha de Guadalupe, informou o NHC às 21H00 GMT (18H00 de Brasília).

"O olho de Erika passará perto das Ilhas Virgens, sobre ou perto de Porto Rico durante a noite e perto ou sobre a República Dominicana na sexta-feira", indicou o NHC.

Porto Rico, as Ilhas Virgens e grande parte das Antilhas Menores no Caribe mantiveram o alerta de tempestade tropical, enquanto a República Dominicana e o Haiti (que dividem a ilha de Santo Domingo ou Hispaniola), para onde a tempestade se dirigirá em breve, também advertiram suas populações contra possíveis chuvas fortes e ondas.

Todas estas ilhas podem receber chuvas entre 100 e 200 milímetros, mas o NHC advertiu que algumas áreas podem registrar até 300 milímetros.

Como medida de precaução, as autoridades de Porto Rico, um estado livre associado aos Estados Unidos, suspenderam nesta quinta-feira as aulas e atividades em escolas e universidades no leste, bem como o transporte marítimo.

"Espera-se muita chuva e isso é o que mais nos preocupa. Temos de estar preparados para o pior", disse o governador de Porto Rico, Alejandro García Padilla, durante uma coletiva de imprensa.

Quase quinhentos abrigos foram preparados, informou García Padilla, em uma região onde uma forte seca provocou racionamento de água potável para milhões de moradores que poderiam se aliviar um pouco com as chuvas.

Espera-se que a força de Erika não varie muito nas próximas 48 horas, segundo os meteorologistas americanos.

De acordo com os mais recentes modelos do NHC, após passar pelo norte de Hispaniola, Erika atingirá as Bahamas no fim de semana e poderia se tornar um furacão no início da próxima semana ao largo da costa da Flórida.

Em meio à incerteza sobre se chegará à Flórida, o estado adotou planos de emergência e pediu às pessoas para se prepararem.

Danny, o primeiro e único furacão da atual temporada do Atlântico, dissipou-se na segunda-feira ao chegar ao Caribe.

A Agência Oceânica e Atmosférica dos Estados Unidos (NOAA) previu que a temporada (de junho a novembro) será menos ativa do que o habitual, com entre um e quatro furacões.

AFP
Marcadores:

Postar um comentário

AVISO!

Desde já quero informar que todos serão responsabilizados pelos seus comentários!

Comentem mas com pudor e serenidade, pois só serão aceitos comentários que somam para o assunto caso contrário não serão publicados. Críticas são bem vindas desde que tenham coerência no que estão falando. E comentários de links e propagandas de outras páginas não serão publicados também. Temos uma visão conservadora e não desviaremos o foco do pensamento bíblico. Att; SITE O CORREIO DE DEUS

Grato pela atenção de todos.

Author Name

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.