JERUSALÉM (Reuters) - Um judeu ortodoxo esfaqueou e feriu seis participantes da Parada do Orgulho Gay de Jerusalém nesta quinta-feira, informou a polícia.

“Um incidente dos mais sérios” foi como o primeiro-ministro israelense, Benjamin Netanyahu, classificou o ataque, o pior em anos no evento em Jerusalém, cidade onde a população religiosa é mais proeminente do que em outras partes de Israel.

Os manifestantes, que somavam 5 mil e levavam cartazes, seguiam por uma avenida quando o religioso ultra-ortodoxo saltou na multidão e apunhalou alguns deles, disseram testemunhas.

A polícia prendeu o suposto agressor e o interrogou, afirmou o porta-voz da corporação Assi Aharoni.

Médicos e policiais disseram que o perpetrador feriu seis pessoas. Duas foram levadas a um hospital em estado grave.

“Vi um jovem ultra-ortodoxo esfaqueando todos em seu caminho”, contou Shai Aviyor, testemunha entrevistada pelo canal de televisão israelense Channel 2. “Ouvimos pessoas gritando, todos correram para se proteger, e havia pessoas ensanguentadas no chão”, afirmou Aviyor.

(Por Allyn Fisher-Ilan)

Postar um comentário

AVISO!

Desde já quero informar que todos serão responsabilizados pelos seus comentários!

Comentem mas com pudor e serenidade, pois só serão aceitos comentários que somam para o assunto caso contrário não serão publicados. Críticas são bem vindas desde que tenham coerência no que estão falando. E comentários de links e propagandas de outras páginas não serão publicados também. Temos uma visão conservadora e não desviaremos o foco do pensamento bíblico. Att; SITE O CORREIO DE DEUS

Grato pela atenção de todos.

Author Name

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.