domingo, 19 de julho de 2015

Líder muçulmano sugere transformar igrejas em mesquitas e franceses se unem para impedir


Mais de 40 mil franceses assinaram uma petição com a chamada "Tire as mãos da minha igreja" depois que um líder muçulmano sugeriu transformar igrejas vazias em mesquitas, na França.

A petição, publicada na última semana, foi inicialmente assinada por 25 políticos e intelectuais conservadores, e incluiu até mesmo o ex-presidente francês, Nicolas Sarkozy.

O documento foi criado depois que o chefe da Mesquita de Paris declarou que o número de mesquitas ao redor do país deveria dobrar para 4 mil para comportar o número de muçulmanos, e utilizar as igrejas vazias poderia ajudá-los a fazer isso.

"Por que não? É o mesmo Deus, os ritos são como de vizinhos ou irmãos. Eu acho que os muçulmanos e os cristãos podem coexistir", disse Dalil Boubakeur.

O alvoroço que provocou o comentário de Boubakeur foi tão grande que, no mesmo dia, o líder religioso soltou um novo comunicado dizendo que "não há um desejo nem uma vontade de fazer isso agora." Ele ainda disse que somente a Igreja Católica Romana está autorizada a falar sobre o destino de suas igrejas vazias.
Uma pesquisa de opinião realizada na última semana mostrou que 67% dos franceses se opõem a sugestão de Boubakeur. Por outro lado, muitas igrejas na França estão vazias, e pesquisas revelam que apenas 5% das pessoas no país as frequentam regularmente.

Muitas das igrejas vazias da França estão em pequenas cidades e aldeias, localizadas em regiões que sofreram uma alta taxa de migração de sua população para cidades em expansão. Normalmente existem poucos muçulmanos nestas áreas, então não há muita demanda para transformá-las em salas de oração islâmicos.

Em muitos outros países europeus, igrejas e edifícios que estão em desuso e tem alto custo de manutenção são vendidas para se tornarem bares, restaurantes, apartamentos, livrarias, salas de concerto, até mesmo supermercados. Na França, porém, cerca de 45 mil igrejas e capelas são sustentadas pelo Estado como parte do patrimônio cultural da nação.Fonte: Guia-me / com informações The Huffington Post
O CORREIO DE DEUS
O CORREIO DE DEUS

This is a short biography of the post author. Maecenas nec odio et ante tincidunt tempus donec vitae sapien ut libero venenatis faucibus nullam quis ante maecenas nec odio et ante tincidunt tempus donec.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

AVISO!

Desde já quero informar que todos serão responsabilizados pelos seus comentários!

Comentem mas com pudor e serenidade, pois só serão aceitos comentários que somam para o assunto caso contrário não serão publicados. Críticas são bem vindas desde que tenham coerência no que estão falando. E comentários de links e propagandas de outras páginas não serão publicados também. Temos uma visão conservadora e não desviaremos o foco do pensamento bíblico. Att; SITE O CORREIO DE DEUS

Grato pela atenção de todos.