O Seu portal conservador de notícias, Evangelismo e Informação em defesa da fé Cristã

  • Últimas Notícias

    19 fevereiro 2015

    A minha graça te basta


    Nós por sermos homens temos diversas limitações e muitas destas limitações nos fazem desanimar mediante a fé em que professamos em nossa caminhada de vida.
    Não há falta de angústia quando estamos atravessando as tribulações que são matérias de aprendizagem impostas pelo SENHOR NOSSO DEUS. Assim como estudamos a matemática o português e diversas outras matérias a fim de nos prepararmos para uma suposta faculdade que venhamos fazer no futuro, DEUS nos prepara através da sua matéria que se chama tribulação ou melhor dizendo, ‘’deserto.’’

    Eu tenho passado por lutas e adversidades, mas confesso aos irmãos que ao mesmo tempo em que estou fraco, ai é que DEUS me fortalece me dando o refrigério e a compreensão de que preciso aprender na prática certos pontos em que ainda sou falho.
    Olhemos pelos pontos positivos. Quando está tudo correndo um mar de rosas em nossas vidas, temos a sensação de acomodação espiritual nos fazendo relaxar e viver uma mesmice do evangelho simplesmente por obrigação e isso não é ser um Cristão. Como viveremos e não teremos conhecimento de tudo até o fim de nossas vidas, DEUS nos prepara mediante a ‘’sua vontade’’ nos provando para que sejamos aprovados em verdade.
    O que quero dizer, é que quando está tudo muito tranquilo, isso pode acarretar em uma vida cristã mentirosa, pois só iremos aceitar DEUS nestas circunstâncias boas da vida. Então quando surgem as provas, o teste de fidelidade de DEUS se inicia a fim de que nos preparemos cada vez mais defendendo o evangelho e perseverando no caminho da verdade.
    Eu costumo dizer que nas provações, nas angústias, sofrimentos e desertos que são todas circunstâncias de mesma essência, é que aprendemos mais, nos dedicamos mais, amamos mais, nos entregamos mais, perseveramos mais, e nos tornamos mais fieis e verdadeiros, porque a partir daí obteremos o conhecimento e a sabedoria de que não só devemos adorar a DEUS nos momentos de tranquilidade, mas também nas aflições e angústias.
    Paulo foi o Apóstolo de CRISTO que mais padeceu, sofreu e angustiou-se por amor ao evangelho. Paulo também foi o que mais fez questão de expor estas provações a fim de mostrar que em suas tribulações ele se fortalecia cada vez mais na fé e na verdade se gloriando e se regozijando em cima do seu próprio sofrimento por amor ao evangelho salvífico de CRISTO. Que homem era este? Podemos encher a boca para falar que o Apóstolo Paulo foi um autêntico imitador de CRISTO por quê?Podemos falar simplesmente pelo fato de Paulo ser caluniado, preso, injuriado, vilipendiado, açoitado, apedrejado, e mesmo assim continuar marchando dando testemunho da verdade, sempre exaltando e glorificando o nome DO SENHOR que o fortalecia na sua missão.

    Paulo disse;

    Pois se alguém vos escraviza, se alguém vos devora, se alguém vos defrauda, se alguém se ensoberbece, se alguém vos fere no rosto, vós o suportais.
    Falo com vergonha, como se nós fôssemos fracos; mas naquilo em que alguém se faz ousado, com insensatez falo, também eu sou ousado.
    São hebreus? também eu; são israelitas? também eu; são descendência de Abraão? também eu;
    são ministros de Cristo? falo como fora de mim, eu ainda mais; em trabalhos muito mais; em prisões muito mais; em açoites sem medida; em perigo de morte muitas vezes;
    dos judeus cinco vezes recebi quarenta açoites menos um.
    Três vezes fui açoitado com varas, uma vez fui apedrejado, três vezes sofri naufrágio, uma noite e um dia passei no abismo;
    em viagens muitas vezes, em perigos de rios, em perigos de salteadores, em perigos dos da minha raça, em perigos dos gentios, em perigos na cidade, em perigos no deserto, em perigos no mar, em perigos entre falsos irmãos;
    em trabalhos e fadiga, em vigílias muitas vezes, em fome e sede, em jejuns muitas vezes, em frio e nudez.
    Além dessas coisas exteriores, há o que diariamente pesa sobre mim, o cuidado de todas as igrejas.
    Quem enfraquece, que eu também não enfraqueça? Quem se escandaliza, que eu me não abrase?
    Se é preciso gloriar-me, gloriar-me-ei no que diz respeito à minha fraqueza.
    O Deus e Pai do Senhor Jesus, que é eternamente bendito, sabe que não minto.(2 Coríntios 11: 20-31)

    Paulo mesmo padecendo por amor ao evangelho em verdade e fidelidade para com CRISTO sempre aceitou as provações que DEUS o havia colocado a fim de que glorificasse a DEUS em todas as suas ações e condutas.  Paulo sendo excelente em sua missão evangelística nunca teve tempo em que não devesse lutar, porém DEUS sempre o lembrava de que sua condição era de um pecador, pois como diz a palavra a quem muito se é dado, muito se é cobrado;

    E, para que me não exaltasse demais pela excelência das revelações, foi-me dado um espinho na carne, a saber, um mensageiro de Satanás para me esbofetear, a fim de que eu não me exalte demais;
    acerca do qual três vezes roguei ao Senhor que o afastasse de mim;
    e ele me disse: A minha graça te basta, porque o meu poder se aperfeiçoa na fraqueza. Por isso, de boa vontade antes me gloriarei nas minhas fraquezas, a fim de que repouse sobre mim o poder de Cristo.
    Pelo que sinto prazer nas fraquezas, nas injúrias, nas necessidades, nas perseguições, nas angústias por amor de Cristo. Porque quando estou fraco, então é que sou forte.(2 Coríntios 12:7-10)

    Paulo era tão perfeito imitando a CRISTO que DEUS a fim de lembra-lo como que dizendo; ‘’Paulo você é um pecador miserável’’ enviou um mensageiro de satanás para esbofeteá-lo e Paulo pediu a DEUS três vezes que afastasse dele este enviado de satanás, porém o que DEUS disse a Paulo? ‘’A minha graça te basta’’ como que dizendo a Paulo; ‘’Continue fazendo o que te mandei, e o que envio a ti como provação suporte calado, pois você é um homem pecador e pequeno diante a minha santidade e vontade.
    Nós temos passado por diversas provações e DEUS tem nos colocado no deserto e permitido que andemos por vales da sombra da morte e o que temos sido mediante a estas circunstâncias enviadas a nós por DEUS? Não somos nada comparados ao Apóstolo Paulo e se ele que era um homem honrado na presença DO SENHOR padeceu e sofreu o que sofreu quem dirá nós em pleno século 21 que vivemos em um mundoabarrotado das coisas satânicas que são ministradas pelo príncipe deste século? Olho pra esta geração e vejo um bando de homens e mulheres que se intitulam servos e servas de DEUS, mas são mau acostumados com manjares mundanos que os tornam pessoas murmuradoras por não querer passar por provações. (São ímpios na igreja)

    Para querermos ser Cristãos temos que ir lá em(Mateus 10:38)aonde diz;

    ‘’E quem não toma sua cruz e não segue após mim, não é digno de mim’’ (Mateus 10:38)

    A graça de DEUS tem te bastado?

    DEUS SEJA LOUVADO PARA SEMPRE


    Cezar S D S Scholze

    Sobre

    Exclusivamente voltado para matérias informativas em questões apologéticas, notícias e estudos bíblicos, este site tem o objetivo de servir como ferramenta de evangelização bem como alerta e preparo à igreja cristã sobre os últimos eventos que antecedem a Volta Gloriosa de nosso Senhor Jesus Cristo.

    Termos de Uso

    Você está autorizado e incentivado a reproduzir e distribuir os artigos em qualquer formato, desde que informe o(a) autor(a) e a fonte do artigo, bem como as fontes intermediárias, inclusive o Site "O Correio de Deus". Não é permitido a alteração do conteúdo original sem a devida notificação de alteração em cópia extraída deste site e muito menos a utilização para fins comerciais.
    Licença Creative Commons
    Este trabalho está licenciado com uma Licença