Arqueólogos dizem ter descoberto os restos do palácio do rei Herodes, em Jerusalém - e com ele o local onde aconteceu o julgamento de Jesus, conforme descrito no Novo Testamento (Lucas 23). As pistas para o achado, que vêm gerando repercussão mundial, apareceram durante a escavação de na área de um prédio abandonado perto do Museu da Torre de David.

Para estudiosos, é quase certo que o julgamento ocorreu no complexo de Herodes. Ele estaria localizado no lado ocidental da cidade, onde está o museu e uma prisão da era Otomana. O suposto local do julgamento está abaixo dessa antiga prisão. O julgamento teria acontecido "perto de um portão e em um pavimento de pedra irregular", descreveu o jornal "Washington Post", e esses detalhes se encaixam com os achados arqueológicos anteriores perto da prisão.

"Obviamente, não há qualquer inscrição informando o que aconteceu aqui, mas tudo - relatos arqueológicos, históricos e evangélicos - recai sobre este lugar e faz sentido", disse o professor de arqueologia da Universidade da Carolina do Norte em Charlotte, Shimon Gibson, ao jornal.

Como trajeto percorrido pelos peregrinos cristãos que viajam a Jerusalém foi estabelecido há muito tempo, a descoberta pode mudar o caminho imediatamente. O Museu da Torre de David começou a elaborar planos para passeios ao redor do achado, e espera que isso se torne uma forte atração para os cristãos no futuro.

A escavação do local começou há 15 anos, como parte dos planos de expansão do museu. Enquanto os arqueólogos escavavam sob o antigo prédio abandonado ao lado do museu, encontraram os restos suspeitos do palácio.

Os restos foram descobertos sob uma prisão que foi usada quando a cidade era controlada pelos otomanos e britânicos. Os arqueólogos já sabiam, há algum tempo, que a prisão estava lá - mas não o que estava por baixo dela.

Fonte: O Globo 

Fique Atento

Postar um comentário

AVISO!

Desde já quero informar que todos serão responsabilizados pelos seus comentários!

Comentem mas com pudor e serenidade, pois só serão aceitos comentários que somam para o assunto caso contrário não serão publicados. Críticas são bem vindas desde que tenham coerência no que estão falando. E comentários de links e propagandas de outras páginas não serão publicados também. Temos uma visão conservadora e não desviaremos o foco do pensamento bíblico. Att; SITE O CORREIO DE DEUS

Grato pela atenção de todos.

Author Name

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.