sábado, 15 de novembro de 2014

Estupro seguido de morte de bebê de 8 meses gera revolta na Bolívia

LA PAZ, 15 Nov 2014 (AFP) - A morte de um bebê de oito meses, por causa de graves lesões provocadas pelo estupro que sofreu em um orfanato, provocava a revolta dos bolivianos, que neste sábado exigiam justiça e punições rígidas para os culpados.

Pelo menos dez funcionários vinculados ao orfanato público, a cargo do governo de La paz, eram investigados neste sábado pela justiça, depois que o boletim de medicina legal concluiu que "a causa da morte (do bebê) foi hemorragia interna (provocada) por penetração". 

Com a justiça boliviana sob críticas pela lentidão de suas sentenças, a ministra da Justiça, Sandra Gutiérrez, alertou: "Não vamos tolerar, neste tipo de situação, a demora da Justiça e que os juízes queiram se corromper".

"Eu penso que temos que unir forças para que se puna com a pena máxima o autor" do crime, ainda não identificado, havia declarado pouco antes a ministra da Transparência, Nardi Suxo, que qualificou o ato de "aberrante".

O bebê, filho de pais alcoólatras indigentes, foi acolhido no orfanato público em julho passado, junto com a irmã de 3 anos, que agora está sob custódia das autoridades estatais, especializadas na proteção da infância.

Meios de comunicação locais têm recebido, desde a sexta-feira, manifestações de revolta da população, que tem pedido a pena de morte para estupradores ou sua castração química, sanções que não são contempladas na legislação boliviana.

"As normas já estão dadas, são 30 anos de prisão sem direito a indulto. A questão é que os agentes da justiça possam aplicar a lei com todo o seu rigor", esclareceu Suxo.

Na Bolívia, a pena máxima de 30 anos de prisão sem direito a indulto é aplicada a crimes gravíssimos ou contra a pátria.

Em setembro de 2013, o caso do estupro de uma menina de sete meses, que precisou ser submetida a uma reconstrução anal e vaginal, também motivou pedidos da população por sanções mais duras contra os estupradores.

UOL
O CORREIO DE DEUS
O CORREIO DE DEUS

This is a short biography of the post author. Maecenas nec odio et ante tincidunt tempus donec vitae sapien ut libero venenatis faucibus nullam quis ante maecenas nec odio et ante tincidunt tempus donec.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

AVISO!

Desde já quero informar que todos serão responsabilizados pelos seus comentários!

Comentem mas com pudor e serenidade, pois só serão aceitos comentários que somam para o assunto caso contrário não serão publicados. Críticas são bem vindas desde que tenham coerência no que estão falando. E comentários de links e propagandas de outras páginas não serão publicados também. Temos uma visão conservadora e não desviaremos o foco do pensamento bíblico. Att; SITE O CORREIO DE DEUS

Grato pela atenção de todos.