O Seu portal conservador de notícias, Evangelismo e Informação em defesa da fé Cristã

  • Últimas Notícias

    04 setembro 2014

    Estado Islâmico sequestra aviões e pode repetir ataques do 11 de setembro


    Autoridades americanas e europeias estão em estado de alerta com as últimas notícias vindas da Líbia. As milícias do Estado Islâmico sequestraram onze aeronaves de um aeroporto nos últimos dias.

    Com a proximidade do aniversário dos atentados de 11 de setembro de 2001 se aproximando, o sumiço dos aviões comerciais fez com que as agências de inteligência ocidentais começassem a trabalhar com a possibilidade real de ataques. O EI poderá querer lembrar dos atentados realizados em Nova York e Washington, realizados pela Al Qaeda, de onde se originou o Estado Islâmico.

    Segundo o site WND, um relatório elaborado pelo especialista em política externa Bill Gertz denuncia essa possibilidade. Durante 27 anos ele foi repórter, editor e colunista do Washington Times. Ele afirma que a data marcaria o 13 º aniversário dos ataques terroristas dentro dos EUA e dois anos depois dos ataques terroristas contra instalações dos EUA em Benghazi, na Líbia, que matou o embaixador Christopher Stevens.


    O material divulgado por Gertz indica que as agências de inteligência dos EUA não tiveram sucesso em localizar os aviões pertencentes a companhias aéreas da Líbia, que foram retirados do Aeroporto Internacional de Trípoli, tomado pelo EI em agosto.

    Como medida preventiva, a Tunísia proibiu voos vindos da Líbia temendo serem ataques suicidas. O Egito também interrompeu os voos para a Líbia e vindos dela. Ainda segundo Gertz as forças armadas de Marrocos, Argélia, Tunísia e Egito operam no nível máximo de alerta.

    Desde a morte do ditador Muammar Kadhafi em 2011, facções terroristas lutam pelo controle da Líbia. O grupo terrorista Ansar al-Shariah, que tem ligações com o EI tem divulgado que está reunindo um grande arsenal, incluindo mísseis terra-ar e canhões antiaéreos.

    Sebastian Gorka, especialista em contraterrorismo, explicou os aviões roubados podem ser usados para ataques terroristas, mas também poderiam se transformar numa espécie de força aérea do Estado Islâmico, servindo para transporte de milicianos e de armas de um país para outro.

    Fonte:WND

    Sobre

    Exclusivamente voltado para matérias informativas em questões apologéticas, notícias e estudos bíblicos, este site tem o objetivo de servir como ferramenta de evangelização bem como alerta e preparo à igreja cristã sobre os últimos eventos que antecedem a Volta Gloriosa de nosso Senhor Jesus Cristo.

    Termos de Uso

    Você está autorizado e incentivado a reproduzir e distribuir os artigos em qualquer formato, desde que informe o(a) autor(a) e a fonte do artigo, bem como as fontes intermediárias, inclusive o Site "O Correio de Deus". Não é permitido a alteração do conteúdo original sem a devida notificação de alteração em cópia extraída deste site e muito menos a utilização para fins comerciais.
    Licença Creative Commons
    Este trabalho está licenciado com uma Licença