terça-feira, 30 de setembro de 2014

Analista econômico prevê “o fim do Brasil” para 2015


Dois meses depois do polêmico comunicado anti-Dilma do banco Santander, novas previsões economicamente desfavoráveis para o Brasil surgem nestes dias. Na segunda-feira, foi a queda da Bolsa sobre o fundo da subida de Dilma. E na sexta-feira passada, um analista financeiro reiterou para a revista Exame que a re-eleição da presidente significará “o fim do Brasil”.

“O Fim do Brasil” é o nome do livro do analista Felipe Miranda, sócio da Empiricus Research, publicado neste ano e lançado na semana passada. Nele, o economista argumenta que o Brasil só teve história a partir de 1994. Antes, “não tinha histórico econômico” nem “padrão de consumo”. Porém, as coisas mudam, e a política fiscal brasileira, segundo Miranda, não soube adaptar-se a essas mudanças. “O Brasil começa a morrer por causa da nova matriz econômica”, diz o analista na entrevista.

E, de acordo com ele, é preciso ter uma mudança na política. “O mercado não olha Aécio ou Marina. O mercado olha Dilma e não-Dilma”, afirma Felipe Miranda, opinando que com um novo presidente, a Bolsa irá crescer, por ter novos elementos.

Porém, Marina também atua como uma incógnita para o mercado. Se ela reforçar a política ecológica, reduzindo a importância de combustíveis fósseis, “será uma faca no pescoço”, diz Miranda: “Isso gera uma incerteza grande. E mercado não gosta de incertezas”.

Contudo, na opinião do analista, 2015 vai ser um ano duro e “desafiador” em qualquer situação política e para qualquer presidente.

Leia mais: Voz da Russia
O CORREIO DE DEUS
O CORREIO DE DEUS

This is a short biography of the post author. Maecenas nec odio et ante tincidunt tempus donec vitae sapien ut libero venenatis faucibus nullam quis ante maecenas nec odio et ante tincidunt tempus donec.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

AVISO!

Desde já quero informar que todos serão responsabilizados pelos seus comentários!

Comentem mas com pudor e serenidade, pois só serão aceitos comentários que somam para o assunto caso contrário não serão publicados. Críticas são bem vindas desde que tenham coerência no que estão falando. E comentários de links e propagandas de outras páginas não serão publicados também. Temos uma visão conservadora e não desviaremos o foco do pensamento bíblico. Att; SITE O CORREIO DE DEUS

Grato pela atenção de todos.