Beto Albuquerque (PSB-RS), atual deputado federal e recém escolhido vice da chapa agora encabeçada por Marina Silva, tem atuado de forma antônima à Marina. Ela evangélica e assídua defensora da natureza. Ele católico, defensor da causa homossexual, do aborto (nos termos legais), e tem atuado também a revelia da candidata nas causas ambientais.
Albuquerque recebeu nas últimas duas campanhas doações de empresas do agronegócio: a Celulose Rio-grandense e a Klabin, gigantes produtoras de papel. Elas foram responsáveis por metade da arrecadação dele em 2010 
No Congresso, ele defendeu leis que atendiam a interesses do segmento, a que Marina e outros ambientalistas tanto criticam.
Para citar suas atuações, ele conseguiu financiamento do BNDES para armazenagem de grãos e trabalhou contra restrição de plantações em áreas de elevada altitude. 
Durante o governo Lula, de quem Marina foi ministra do Meio Ambiente, o deputado gaúcho articulou a aprovação da medida provisória liberando o plantio da soja transgênica. A então ministra criticou a lei. 
“Ele tem história dentro do partido e tem o respeito de Marina, por isso, foi escolhido. Agora, somos Marina e Beto”, afirmou o ex-coordenador da campanha de Campos, Maurício Rands, que, primo de Renata, tinha, até então, a preferência da família. (Com O Dia IG)

O CORREIO DE DEUS: Vocês que se dizem Cristãos, agora o que me dizem sobre isso? Continuarão a defender essa enganadora que faz alianças com as trevas? Continuarão a vir com a cara deslavada defender uma mulher que se alia com um homem defensor assíduo do homossexualismo? Pensem bem, porque DEUS está vendo quem é quem, DEUS está vendo quem busca informações e quem não... Pensem nisso!

Não vos prendais a um jugo desigual com os infiéis; porque, que sociedade tem a justiça com a injustiça? E que comunhão tem a luz com as trevas? (2 Coríntios 6:14)

Author Name

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.