O Seu portal conservador de notícias, Evangelismo e Informação em defesa da fé Cristã

  • Últimas Notícias

    08 julho 2014

    Onde está a indignação com o bombardeio contra civis em Israel?


    Centenas de foguetes foram disparados e um milhão de cidadãos são forçados a correr para se esconder. Imagine se o Brasil sofresse esse bombardeio?


    Você vê, como a maioria das pessoas no Reino Unido acordaram esta manhã, e os da Europa, Estados Unidos e em outros lugares ao redor do mundo estavam indo sobre suas rotinas diárias, aqui em Israel mais de um milhão de pessoas saíram correndo para se esconder de uma chuva de foguetes ocasionadas por terroristas palestinos do Hamas em Gaza.

    Nas últimas 24 horas, mais de 120 foguetes foram disparados no sul de Israel. Isso é cerca de cinco foguetes por hora. Até o momento de eu terminar este artigo, as probabilidades são que a contagem terá subido para 125 foguetes.

    Para esclarecer: um milhão de israelenses equivale a aproximadamente 13 por cento da população. Treze por cento da população do Reino Unido equivale a cerca de 8,4 milhões de pessoas ou toda a população de Londres.

    Um número de israelenses já foi ferido, mas felizmente sem vítimas mortais. A única razão pela qual não mais foram feridos é porque Israel tem investido milhões de dólares em abrigos e no sistema de defesa ‘’Iron Dome’’. Enquanto isso, o Hamas, cujo objetivo é a destruição de Israel e que é reconhecido como uma organização terrorista tanto pela União Européia e Reino Unido, tem investido milhões de dólares em ajuda externa em mais foguetes. 

    Então, onde está a ofensa?

    Desde o início deste ano, os terroristas de Gaza dispararam mais de 450 foguetes contra Israel, cerca de metade deles vem desde meados de junho, quando dois terroristas do Hamas seqüestraram e assassinaram três adolescentes israelenses.

    Por que é que a maioria das mídias internacionais apenas avisou quando Israel comprometeu seu direito soberano, e obrigação, de defender os seus cidadãos? Você pode imaginar se um foguete fosse disparado em Londres, Washington, Paris ou Moscou? Isto é simplesmente intolerável e nenhum país pode, ou deve tolerar tais ataques a seu povo.

    Onde está a indignação das Nações Unidas, que não hesita por um momento de chamar de "sessão especial de emergência" sobre a "Questão da Palestina" ou passar a resolução enésima cegamente condenando Israel? Mas 24 horas depois que os ataques com foguetes contra Israel começou, eu ainda estou à espera de uma sílaba sequer de condenação do Conselho de Segurança das Nações Unidas, a Assembléia Geral das Nações Unidas ou do Conselho de Direitos Humanos.

    Onde estão todos aqueles chamados liberais esclarecidos, que continuam a pedir Boicote, Desinvestimento e Sanções (BDS) contra o Estado judeu, mas estão em silêncio diante do terror palestino contra os judeus? 

    Onde estão todas as organizações de direitos humanos como a Human Rights Watch, a Anistia e Oxfam, que não dispensam uma única oportunidade para condenar Israel por violações dos direitos humanos contra os palestinos? São os direitos humanos dos israelenses não igualmente importantes? Ou é sangue judeu realmente barato? 

    Onde está a indignação da grande mídia? Em vez disso, as organizações de notícias como a BBC, falam em suas publicações sobre os ataques com foguetes manchetes como 'Israel lança novos ataques aéreos contra Faixa de Gaza "e não" terroristas palestinos em Gaza fazem chover mais de 120 foguetes contra 1 milhão de israelenses em 24 horas. "

    Onde está a falha de que o Irã, que a comunidade internacional está atualmente a negociar com mais de seu programa de armas nucleares, e que pediu para que Israel seja varrido do mapa, é o principal financiador e fornecedor de armas para o Hamas? 

    Onde está a falha que os civis em todo o sul de Israel estão sendo instruídos a não enviar seus filhos para a escola e ficar em abrigos, ou que 24 bebês prematuros e recém-nascidos 34 teve que ser transferido ontem à noite para uma área protegida no Hospital Soroka em ser 'er Sheva, devido aos ataques com foguetes a partir de Gaza? 

    Onde está a indignação que o mesmo Hamas agora responsável pelo lançamento de foguetes contra milhões de israelenses, foi há apenas um mês recebido pelo presidente palestino, Mahmoud Abbas, o nosso chamado "parceiro para a paz" em seu governo de unidade nacional, enquanto a comunidade internacional , incluindo a UE, correu para abraçá-lo? 

    Concluindo, outros dois foguetes foram lançados de Gaza. Então, novamente, eu pergunto: onde está a ofensa?

    Fonte: Telegraph


    Traduzido por Leonardo Gonçalves, colaborador do site OCDD
    O CORREIO DE DEUS

    Sobre

    Exclusivamente voltado para matérias informativas em questões apologéticas, notícias e estudos bíblicos, este site tem o objetivo de servir como ferramenta de evangelização bem como alerta e preparo à igreja cristã sobre os últimos eventos que antecedem a Volta Gloriosa de nosso Senhor Jesus Cristo.

    Termos de Uso

    Você está autorizado e incentivado a reproduzir e distribuir os artigos em qualquer formato, desde que informe o(a) autor(a) e a fonte do artigo, bem como as fontes intermediárias, inclusive o Site "O Correio de Deus". Não é permitido a alteração do conteúdo original sem a devida notificação de alteração em cópia extraída deste site e muito menos a utilização para fins comerciais.
    Licença Creative Commons
    Este trabalho está licenciado com uma Licença