sexta-feira, 25 de julho de 2014

Cuba leiloa porto feito com dinheiro do povo brasileiro para dividir com o ''PT''?


O governo do Brasil fez papel de bobo no Caribe, com o ‘aliado’ governo cubano. Bancou, via BNDES, e inclusive com *mais de R$ 1 bilhão a fundo perdido, a construção do Porto de Mariel, com a esperada reabertura comercial e fim do embargo americano ao País de Fidel.

Mas quem vai faturar bonito são Estados Unidos e Rússia. Depois de os EUA fazerem oferta pela operação da área, agora foi o presidente russo, Vladimir Putin, quem avisou a Raúl Castro que pretende a área. Para isso, Putin perdoou dívida de US$ 35 bilhões dos cubanos. A revelação é do jornalista Marcelo Rech, de Brasília, editor do site InfoRel

As negociações para o perdão da dívida duraram 20 anos. Putin ainda avisou aos Castro que vai reinvestir em US$ 2,6 bilhões em Cuba – principalmente direcionados a Mariel. Putin correu para Cuba um mês depois de os americanos fazerem a oferta de operação do porto. Recomeçou, assim, uma nova ‘guerra fria’ entre EUA e Rússia.



CADÊ?

A presidente Dilma investe no discurso de que mais de 300 empresas brasileiras vão ser beneficiadas com o porto de Mariel, mas não há lista e ninguém sabe quais são. (Fonte: UOL)

*Grifo nosso, já que o autor se equivoca ao dizer que eram apenas R$ 240 milhões e que o Brasil seja bobo e como sabemos de bobos o ''PT'' não tem nada.
O CORREIO DE DEUS: O dinheiro Brasileiro investido em cuba, saiu de forma legal do povo Brasileiro para o povo cubano, porém com o leilão do porto o dinheiro volta do bolso do ''irmão'' Castro diretamente para o bolso do ''PT'' em espécie, e então a partir dai ''não houve roubo'' mas uma doação do governo cubano para o governo brasileiro. Eu poderia falar que isso pode ser dito com outro nome mas vou deixar quieto, haja visto que não tenho costas quentes para afirmar o nomezinho que se dá a esse tipo de transação de um governo desgraçado e corrupto.

Folha centro sul
O CORREIO DE DEUS
O CORREIO DE DEUS

This is a short biography of the post author. Maecenas nec odio et ante tincidunt tempus donec vitae sapien ut libero venenatis faucibus nullam quis ante maecenas nec odio et ante tincidunt tempus donec.