O padre foi informado por uma denúncia anônima e recorreu à polícia para penalizar os responsáveis pelo vídeo

Uma denúncia anônima fez um padre austríaco ficar indignado: uma atriz de filmes adultos de 24 anos estava usando o interior da igreja em Hoersching, Áustria, para filmar vídeo pornográficos.
Os filmes foram rodados em junho e foram parar na internet. Ao constatar que as cenas aconteceram dentro de sua igreja, o padre recorreu à polícia local para processar os responsáveis.
A Diocesse de Linz, no estado de Alta Áustria, assumiu o caso e afirmou que a polícia irá investigar como os atores conseguiram entrar na igreja.
Os envolvidos poderão ser condenados por até seis meses de prisão ou serão forçados a pagarem uma multa.
A preocupação da Igreja é com os casamentos que foram celebrados na igreja depois da filmagem que teria “sujado” o templo. Um comunicado oficial precisou ser emitido garantindo às famílias que os sacramentos realizados na igreja nas últimas semanas estão válidos.
Agora um bispo deve ser convocado para realizar uma purificação no espaço e tirar toda a “impureza espiritual” que a gravação do vídeo pornô trouxe para a congregação de Hoersching. 

''Depois vem dizer que só acontece ''em outros lugares'' essas coisas''
Com informações Extra e Gospel Prime

Author Name

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.