O primeiro-ministro japonês, Shinzo Abe, discutiu formas de promover a paz e a estabilidade na Ásia em um encontro com o papa Francisco nesta sexta-feira (6), informou o Vaticano em um comunicado.

Segundo o comunicado, na conversa houve uma "referência particular a iniciativas destinadas a promover a paz e a estabilidade no continente asiático" e Abe agradeceu a Francisco por seu apoio após o devastador terremoto e tsunami no Japão.

O leste da Ásia é atingido por diversas tensões, da península coreana ao grande número de pequenas ilhas reivindicadas pela China.

Francisco viajará à Coreia do Sul de 13 a 18 de agosto.
Abe e Francisco também conversaram sobre "o compromisso do Japão com a cooperação para o desenvolvimento, especialmente na África, a atenção com o meio ambiente e o desarmamento nuclear".
Abe deu a Francisco um espelho com simbolismo religioso oculto, como os usados pelos cristãos no Japão, que foram perseguidos entre os séculos XVII e XIX.
O número de católicos japoneses é estimado atualmente em cerca de 440 mil, de uma população total de 127 milhões de pessoas.

G1

Author Name

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.