quarta-feira, 4 de junho de 2014

E se essa doença chegar no Brasil? Ebola faz 10 mortos em Serra Leoa


Pelo menos dez pessoas morreram, vítimas do vírus ebola, em Serra Leoa, desde que a doença chegou ao país, segundo dados recolhidos pela organização Médicos sem Fronteiras, que está apoiando as autoridades locais no combate à epidemia.

Em comunicado publicado em sua página na internet, a organização humanitária informa que novos casos de ebola foram detectados em Serra Leoa e na Guiné, no momento em que o número de doentes parecia estar diminuindo.
O vírus, que surgiu na Guiné em janeiro, já infectou mais de 300 pessoas na África ocidental. Segundo o MSF, desde o fim de maio, informações preliminares recebidas do Ministério da Saúde da Serra Leoa indicam um caso confirmado e quatro mortos em Koindu, no distrito de Kailahun, Leste do país, próximo à fronteira com a Guiné.

No dia 29 de maio, o balanço oficial no país era 18 casos confirmados, entre eles seis mortos. As autoridades de Serra Leoa confirmaram, no dia 26 de maio, a primeira morte causada pelo vírus.
Os Médicos sem Fronteiras têm atualmente no país quase 200 trabalhadores estrangeiros e locais e mais de 40 toneladas de material, enviados para combater a epidemia.
Segundo o último comunicado da Organização Mundial da Saúde sobre ebola na África ocidental, do dia 30 de maio, foram verificados 291 casos clínicos de ebola – dos quais 172 confirmados - e 193 mortos tinham sido registrados até as 18h de 28 de maio na Guiné.
Em Serra Leoa, segundo o mesmo comunicado, tinham sido registrados 34 novos casos (sete confirmados, três prováveis e 24 suspeitos) e uma morte suspeita até 29 de maio. Na Libéria, havia sido registrada, até a data, um caso suspeito. A pessoa morreu.
O vírus ebola provoca uma febre hemorrágica, caracterizada por vômitos, diarreia, dores musculares e, em casos graves, falência de órgãos e hemorragia interna incontrolável.
Pode ser transmitido pelo sangue e por outros fluidos corporais, assim como pelo manuseio de corpos de animais infectados – conhecidos como transmissores da doença.
O aparecimento da doença foi descrito pela Organização Mundial da Saúde como um dos mais desafiadores desde a descoberta do vírus, em 1976, onde atualmente é a República Democrática do Congo.

Notícias ao Minuto
O CORREIO DE DEUS
O CORREIO DE DEUS

This is a short biography of the post author. Maecenas nec odio et ante tincidunt tempus donec vitae sapien ut libero venenatis faucibus nullam quis ante maecenas nec odio et ante tincidunt tempus donec.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

AVISO!

Desde já quero informar que todos serão responsabilizados pelos seus comentários!

Comentem mas com pudor e serenidade, pois só serão aceitos comentários que somam para o assunto caso contrário não serão publicados. Críticas são bem vindas desde que tenham coerência no que estão falando. E comentários de links e propagandas de outras páginas não serão publicados também. Temos uma visão conservadora e não desviaremos o foco do pensamento bíblico. Att; SITE O CORREIO DE DEUS

Grato pela atenção de todos.