quarta-feira, 11 de junho de 2014

ABSURDO: Um ''arcebispo católico'' dos EUA disse não saber que o abuso sexual de crianças é um crime


Um arcebispo americano disse a um juiz que não tinha ideia de que o abuso sexual de crianças era um crime.

O chefe da Arquidiocese de St. Louis City, Missouri ( EUA ), o arcebispo Robert Carlson, testemunhou sob juramento de que na década de 1980, enquanto servia como bispo auxiliar em Minnesota, não tinha conhecimento de que o  assédio sexual de crianças  era um crime, de acordo com o site católico  CatholicCulture.org. "Eu não tenho certeza se eu sabia que era um crime ou não", disse o chefe em um comunicado publicado no mês passado e presente 9 de junho. No entanto, o religioso também admitiu que ele sabia com certeza, agora que o abuso sexual de crianças é um crime.
Enquanto isso, o jornal "St. Louis Post-Dispatch ", embora o arcebispo Carlson argumentou que antes não tinha consciência da natureza criminosa de abuso sexual infantil, no entanto, em 1984, assinaram um memorando em que o prazo prescricional para reclamações encargos foi discutido com abuso sexual é. Durante o curso de sua declaração, o arcebispo Carlson disse 193 vezes que não conseguia se lembrar da resposta precisa à pergunta que ele estava preocupado. 

Infelizmente essas coisas tem acontecido a séculos e só agora que vieram se dar conta desse absurdo inafiançável e ''imoral'' propagado por essa instituição. Como ficam as crianças inocentes? Como fica a sua integridade como ser humano? 

Com informações de RT!

Cezar S D S Scholze
O CORREIO DE DEUS
O CORREIO DE DEUS
O CORREIO DE DEUS

This is a short biography of the post author. Maecenas nec odio et ante tincidunt tempus donec vitae sapien ut libero venenatis faucibus nullam quis ante maecenas nec odio et ante tincidunt tempus donec.