sexta-feira, 16 de maio de 2014

Tribunal sudanês condena cristã à morte por acusação de apostasia


Um tribunal de Cartum condenou nesta quinta-feira à morte na forca uma cristã sudanesa de 27 anos por apostasia, sem levar em consideração os apelos dos países ocidentais a favor da liberdade religiosa.


A jovem, grávida de oito meses, está detida com o filho de 20 meses, segundo a organização Anistia Internacional (AI), que pede sua libertação imediata.

"Demos três dias para abjurar de sua fé, mas você insistiu em não voltar ao islã. Eu a condeno à pena de morte na forca", declarou o juiz Abas Mohamed al-Khalifa, que se dirigiu à mulher pelo sobrenome de seu pai, que é muçulmano.

Meriam Yahia Ibrahim Ishag (seu nome cristão) também foi condenada a receber 100 chicotadas por "adultério".

A jovem permaneceu impassível ao ouvir o veredicto.

Durante a audiência, após um longo discurso de um líder religioso muçulmano que tentou convencê-la, a jovem disse de maneira calma ao juiz: "Sou cristã e nunca cometi apostasia".

Quase 50 pessoas protestaram contra a sentença na porta do tribunal e prometeram prosseguir com os protestos.

Várias pessoas se deslocaram até o tribunal para ouvir o veredicto, sobretudo diplomatas de embaixadas estrangeiras.

Na terça-feira, as embaixadas dos Estados Unidos, Canadá, Reino Unido e Holanda manifestaram "preocupação" com o caso da sudanesa.

Em um comunicado conjunto pediram ao governo do Sudão que respeitasse o "direito à liberdade de religião, e em particular o direito de mudar de fé ou crença.

De acordo com a Anistia Internacional, Ishag foi criada no cristianismo ortodoxo, a religião de sua mãe, já que o pai, muçulmano, esteve ausente durante sua infância. Alguns anos depois, a jovem se casou com um cristão do Sudão do Sul.

A AI afirma que a lei islâmica em vigor no Sudão estipula que uma muçulmana não pode casar com um homem de outra religião. 


Fonte: EM

Fique Atento
O CORREIO DE DEUS
O CORREIO DE DEUS

This is a short biography of the post author. Maecenas nec odio et ante tincidunt tempus donec vitae sapien ut libero venenatis faucibus nullam quis ante maecenas nec odio et ante tincidunt tempus donec.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

AVISO!

Desde já quero informar que todos serão responsabilizados pelos seus comentários!

Comentem mas com pudor e serenidade, pois só serão aceitos comentários que somam para o assunto caso contrário não serão publicados. Críticas são bem vindas desde que tenham coerência no que estão falando. E comentários de links e propagandas de outras páginas não serão publicados também. Temos uma visão conservadora e não desviaremos o foco do pensamento bíblico. Att; SITE O CORREIO DE DEUS

Grato pela atenção de todos.