O Seu portal conservador de notícias, Evangelismo e Informação em defesa da fé Cristã

  • Últimas Notícias

    27 maio 2014

    Deus odeia o pecado e ama o pecador?


    A frase "Deus ama os pecadores, mas odeia o pecado" não está na Bíblia. É fruto de uma reflexão derivada de uma psicologia secular, humanista e completamente diabólica. E o mais incrível é ver pessoas que se dizem crer em Deus por meio de Sua Palavra, exclamarem tal afirmação e afagarem em seu peito, defendendo com unhas e dentes tal jargão. Não importa se isso é anti-bíblico ou não; não importa todo o contexto; não importa a hermenêutica; nada disso importa; o que importa é que o "meu deus" é assim, amoroso sem limites. Esta é a ideia atual.
    É completamente incompatível e contradizente um Deus amoroso e misericordioso, possuir em Seu caráter um atributo chamado ódio. Primeiro, eles mesmos afirmam por meio de uma frase que não se encontra na Palavra de Deus, que Ele "odeia o pecado" e depois vem nos perguntar como Deus pode possui ódio em seu caráter? Espera ai! Isso é distúrbio mental.
    Mas vamos olhar para o que a Palavra de Deus, a saber, a Bíblia Sagrada, nossa unica regra de fé e pratica nos diz:
    "O Senhor prova o justo, mas o ímpio e a quem ama a injustiça, a sua alma odeia." (Salmos 11:5).
    "Há seis coisas que o Senhor odeia, sete coisas que ele detesta:

    olhos altivos, língua mentirosa, mãos que derramam sangue inocente,
    coração que traça planos perversos, pés que se apressam para fazer o mal,
    a testemunha falsa que espalha mentiras e aquele que provoca discórdia entre irmãos." (Provérbios 6:16-19).

    "Os arrogantes não são aceitos na tua presença; odeias todos os que praticam o mal." (Salmos 5:5)
    Mas, do Filho, diz: O Deus, o teu trono subsiste pelos séculos dos séculos; Cetro de eqüidade é o cetro do teu reino. Amaste a justiça e odiaste a iniqüidade; por isso Deus, o teu Deus, te ungiu Com óleo de alegria mais do que a teus companheiros. (Hebreus 1:8-9)
    Como está escrito: Amei a Jacó, e odiei a Esaú. (Romanos 9:13); e muitos outros versículos que dizem a mesma coisa.
    Os versículos acima citados são claros como a neve. Não podem serem negados por alguém que seja racional e pense logicamente. Não se pode separar o pecado do pecador. Não se pode punir o pecado e não pecador. No inferno, Deus não punirá o pecado fora do pecador, antes é o individuo o alvo principal da Ira de Deus. O pecado nasce no coração do homem. O homem é o fabricante do mesmo. O homem não apenas ama praticar o pecado, como ele em si mesmo é o pecado.
    Mas agora, lhe digo: "Deus ama pecadores. Você pode dizer: Você não sabe o que fala. Primeiro diz que Deus odeia os pecadores e depois vem dizer o oposto disso? Isso é a pior contradição que já vi". Não, isso não é uma contradição. Vejamos:


    Quando Deus salva uma pessoa, a regenera, veste-a com vestes brancas como a neve, com vestes de justiça. Os méritos de Cristo é atribuído em sua vida. Deus a ama cristocêntricamente. Pelos méritos de Cristo, por sua perfeita e imaculada justiça. Mas o homem salvo continua sendo um pecador. Mas estes pecados são cobertos pela justiça eterna de Jesus. E esta justiça o leva a arrepender-se constantemente. Deus não as ama por aquilo que elas são, pois não há nada no homem digno de atrair em Deus seu afeto e amor, mas apenas seu ódio. Deus ama Cristocêntricamente pessoas salvas.



    Sobre

    Exclusivamente voltado para matérias informativas em questões apologéticas, notícias e estudos bíblicos, este site tem o objetivo de servir como ferramenta de evangelização bem como alerta e preparo à igreja cristã sobre os últimos eventos que antecedem a Volta Gloriosa de nosso Senhor Jesus Cristo.

    Termos de Uso

    Você está autorizado e incentivado a reproduzir e distribuir os artigos em qualquer formato, desde que informe o(a) autor(a) e a fonte do artigo, bem como as fontes intermediárias, inclusive o Site "O Correio de Deus". Não é permitido a alteração do conteúdo original sem a devida notificação de alteração em cópia extraída deste site e muito menos a utilização para fins comerciais.
    Licença Creative Commons
    Este trabalho está licenciado com uma Licença