A meio do impasse (entenda-se: impossibilidade) e frustração nas conversações políticas entre judeus e árabes, a Cidade de Jerusalém, capital eterna do estado de Israel, irá assistir a partir de hoje a mais uma conferência "At the Crossroads"(Na encruzilhada), a ter lugar na histórica Igreja anglicana Christ Church, dentro da cidade velha de Jerusalém.
 
Enquanto os políticos debatem a dificuldade de se chegar a um acordo, esta conferência proporcionará um encontro entre judeus e árabes salvos e unidos pelo maior Judeu de todos os tempos, o próprio Filho de Deus, Jesus, o rei dos judeus, descendente da tribo de Judá e do rei David!
 
Foi exatamente este Judeu que conseguiu derrubar a parede de separação que impedia os judeus e os gentios de se juntarem, tornando para sempre possível esta união através do sacrifício de Si mesmo.
 
Foi Ele mesmo, o Messias Jesus que através da Sua morte pôs fim a esta inimizade: "Na Sua carne desfez a inimizade...para criar em Si mesmo dos dois um novo homem, fazendo a paz, e pela cruz reconciliar ambos com Deus em um corpo, matando com ela as inimizades." - Carta de S. Paulo aos Efésios 2:15 e 16.

Conferência em Jerusalém une Judeus e Árabes


Denominada "At the Crossroads", esta conferência é realizada a partir de hoje com delegados convidados diretamente para a mesma, e almeja aprofundar os laços da comunhão entre seguidores de Jesus de origem islâmica e seguidores de Jesus de origem judaica, facilitando desta forma o encorajamento e o apoio mútuo, trazendo assim um significativo contributo para a verdadeira paz no Médio Oriente.

E é dentro das muralhas históricas da Capital Jerusalém que se irão reunir árabes de origem muçulmana, turcos e curdos seguidores de Jesus, e outros árabes oriundos do Médio Oriente e do Norte de África, juntando-se aos judeus crentes em Jesus.
 
Os organizadores da conferência inspiraram-se nas palavras de Isaías 19 que fala de uma estrada de bênção entre o Egipto e a Assíria (que inclui o Médio Oriente árabe, a parte noroeste do Irão, o sudeste da Turquia, parte da Arménia e Chipre), via Israel.
 
Um dos objetivos da conferência é fortalecer uma crescente rede de cooperação mútua e explorar de forma mais prática a forma em que todos os filhos de Abraão podem conjuntamente construir uma "estrada " de bênção na região. 
 
Shalon Israel
DeOlhOanfigueira

Postar um comentário

AVISO!

Desde já quero informar que todos serão responsabilizados pelos seus comentários!

Comentem mas com pudor e serenidade, pois só serão aceitos comentários que somam para o assunto caso contrário não serão publicados. Críticas são bem vindas desde que tenham coerência no que estão falando. E comentários de links e propagandas de outras páginas não serão publicados também. Temos uma visão conservadora e não desviaremos o foco do pensamento bíblico. Att; SITE O CORREIO DE DEUS

Grato pela atenção de todos.

Author Name

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.