O Seu portal conservador de notícias, Evangelismo e Informação em defesa da fé Cristã

  • Últimas Notícias

    17 abril 2014

    Perseverança na angústia e na dor


    Nos homens somos seres pequenos e frágeis, dependendo das circunstâncias nós nos abatemos muito fácil e de uma forma negativa.
    E muita das vezes essas opressões nos machuca de tal forma que nos leva ao questionamento da fé na paz e no conforto de JESUS, buscando isso em nós mesmos ou nos homens.
    Quando nos sentirmos abatidos, fracos e sem forças para prosseguir temos que lembrar de que servimos a um DEUS que é soberano e dono de todas as coisas, temos que lembrar que DEUS tem tudo sobe o controle DELE.
    Por isso nós temos que nos entregar de corpo e alma para que o SENHOR na hora da angústia nos dê a sua paz. A paz de DEUS é diferente da paz que os homens naturais conhecem e tem por paz.
    JESUS sempre nos alertou e nos disse que no mundo nós teríamos aflição, mas teríamos que nos manter firmes por que breve é a hora da nossa redenção.
    E quando o momento de sofrimento chegar lembre-se que muitos homens que serviram a JESUS sofreram e pagaram o preço muito mais do que nós pagamos hoje.

    Tenho-vos dito isto, para que em mim tenhais paz; no mundo tereis aflições, mas tende bom ânimo, eu venci o mundo. (João 16:33)

    Quando servimos ao SENHOR a angústia vem, o sofrimento vem ,as perseguições os maldizentes, todos eles irão bater a sua porta querendo destruir o que de mais precioso você tem que é a fé e a confiança em JESUS.
    Temos que nos lembrar de que quando recebemos a unção de DEUS nós fazemos parte do corpo DE CRISTO e com o passar do tempo vamos vendo que todas as lutas são difíceis, mas todas serão vencidas pelo poder do sangue do cordeiro. E nessa mesma hora quando me sinto abatido, me recordo de um dos homens mais usados por DEUS, o Apostolo Paulo. E ele diz de uma forma confiante e esperançosa, porque exercitava diariamente a fé na presença do SENHOR, passando por provações, momentos difíceis e de grande angústia mas podia acontecer o que tivesse que acontecer ele tinha a convicção de que ele tudo podia em JESUS CRISTO que o fortalecia.

    Não digo isto como por necessidade, porque já aprendi a contentar-me com o que tenho.

    Sei estar abatido, e sei também ter abundância; em toda a maneira, e em todas as coisas estou instruído, tanto a ter fartura, como a ter fome; tanto a ter abundância, como a padecer necessidade.
    Posso todas as coisas em Cristo que me fortalece. (Filipenses 4:11-13)


    Paulo tinha a convicção e a maturidade de saber que a fé que ele tinha era real e que ele tudo podia passar, mas ele estaria a postos porque pela fé ele sabia que JESUS CRISTO o fortalecia.
    Olhemos para as nossas vidas para a nossa fé, será que só olhamos para DEUS e nos regozijamos de alegria e gratidão após uma benção alcançada? Será que o preço que pagamos é o suficiente para que alcancemos a graça de DEUS? Será que estamos dispostos a passar por dor pela angústia por amor ao evangelho? Ou só queremos vitórias e bênçãos?
     Na hora da angústia lembre-se que O AUTOR E CONSUMADOR DA NOSSA FÉ, ‘’JESUS CRISTO’’ sofreu sem dever e foi esmagado na cruz do calvário, para que nos tivéssemos fé e convicção de que tudo podemos passar estando na presença DELE. Muitas vezes irmãos na nossa angústia e sofrimento negamos a JESUS, murmurando e sendo homens de pouca fé nos esquecendo do preço que JESUS pagou na cruz do calvário para que nós fossemos salvos por ELE e para que tenhamos fé e convicção de que ELE é por nós. Lembro-me de que o Apostolo Paulo disse.

    Sede meus imitadores, como também eu de Cristo. (1 Coríntios 11:1)
    Admoesto-vos, portanto, a que sejais meus imitadores. (1 Coríntios 4:16)
    Sede também meus imitadores, irmãos, e tende cuidado, segundo o exemplo que tendes em nós, pelos que assim andam. (Filipenses 3:17)
    Sede, pois, imitadores de Deus, como filhos amados; (Efésios 5:1)
    E vós fostes feitos nossos imitadores, e do Senhor, recebendo a palavra em muita tribulação, com gozo do Espírito Santo. (1 Tessalonicenses 1:6)
    Para que vos não façais negligentes, mas sejais imitadores dos que pela fé e paciência herdam as promessas. (Hebreus 6:12) 
    Para concluir irmãos JESUS nos alertou que segui-lo não seria fácil e que para sermos ligados a ELE teríamos que pegar a nossa cruz e carregar, não existindo assim um evangelho fácil e sem cruz mas sim um evangelho de muitas lutas e batalhas, porém temos que saber que nossa vitória não se baseia no que é terreno mais sim celestial.
    E quem não toma a sua cruz, e não segue após mim, não é digno de mim. (Mateus 10:38)
    Somos ovelhas irmãos, mas ovelhas que tem valor, haja vista que aquela ovelha que perseverar até o fim será salva e receberá seu galardão nos céus.
    A glória que nos espera é inefável aos nossos olhos e pensamentos portanto irmãos vamos nos manter firmes em JESUS CRISTO e confiar plenamente no poder que ELE exerce como DEUS, e vamos imita-lo para que saibamos amar o próximo e a DEUS sobre todas as coisas.
    Tende bom animo irmãos que JESUS CRISTO é com todos vocês e tenham fé porque DEUS se agrada do homem que tem fé.
     Ora, sem fé é impossível agradar-lhe; porque é necessário que aquele que se aproxima de Deus creia que ele existe, e que é galardoador dos que o buscam. (Hebreus 11:63)
     Fique todos na paz DO SENHOR JESUS.
     Cezar S D S Scholze

    Sobre

    Exclusivamente voltado para matérias informativas em questões apologéticas, notícias e estudos bíblicos, este site tem o objetivo de servir como ferramenta de evangelização bem como alerta e preparo à igreja cristã sobre os últimos eventos que antecedem a Volta Gloriosa de nosso Senhor Jesus Cristo.

    Termos de Uso

    Você está autorizado e incentivado a reproduzir e distribuir os artigos em qualquer formato, desde que informe o(a) autor(a) e a fonte do artigo, bem como as fontes intermediárias, inclusive o Site "O Correio de Deus". Não é permitido a alteração do conteúdo original sem a devida notificação de alteração em cópia extraída deste site e muito menos a utilização para fins comerciais.
    Licença Creative Commons
    Este trabalho está licenciado com uma Licença