Cody Wygant, de 24 anos, foi preso no estado da Flórida, nos Estados Unidos da América depois de assassinar o filho de 16 meses.

Wygant foi acusado de assassinato em terceiro grau, o que significa que a morte não foi planejada, tendo sido fruto de negligência infantil com grande dano corporal.

O individuo estava incomodado com o choro do bebê que não o deixava jogar videojogos, disse a porta-voz do gabinete do xerife do condado Citrus, Heather Yates.


O acusado admitiu que colocou a mão sobre o nariz e boca da criança, até que esta ficou exausta e letárgica. Aí, ele o colocou no cercadinho, cobrindo-o da cabeça aos pés, com várias camadas de roupa de cama, de forma a impedir a circulação do ar.

“É inconcebível que um pai mate seu filho”, disse o xerife de Citrus, Jeff Dawsy, em comunicado.

Wygante estava desempregado e tinha se mudado recentemente para a Flórida, proveniente do estado da Califórnia, onde tinha sido acusado de crimes de invasão e estupro.

Notícias ao Minuto

Postar um comentário

  1. O irmão trairá seu próprio irmão, entregando-o à morte, e o mesmo fará o pai a seu filho... Mc 13:12

    ResponderExcluir

AVISO!

Desde já quero informar que todos serão responsabilizados pelos seus comentários!

Comentem mas com pudor e serenidade, pois só serão aceitos comentários que somam para o assunto caso contrário não serão publicados. Críticas são bem vindas desde que tenham coerência no que estão falando. E comentários de links e propagandas de outras páginas não serão publicados também. Temos uma visão conservadora e não desviaremos o foco do pensamento bíblico. Att; SITE O CORREIO DE DEUS

Grato pela atenção de todos.

Author Name

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.