O Seu portal conservador de notícias, Evangelismo e Informação em defesa da fé Cristã

  • Últimas Notícias

    21 abril 2014

    Como identificar a Nova Era

    novaera2[9]

    Um dos maiores problemas para se compreender a seita Nova Era é a dificuldade em identificar as organizações e os líderes desse movimento. Já não é fácil para o cristão comum confrontar os adeptos da Nova Era, mas não saber quem eles são e através de quais grupos e pessoas eles se comunicam complica enormemente o pro­blema.
    A pergunta importante é: Quais são alguns dos critérios que os cristãos podem usar para determinar se um grupo faz parte da Nova Era?
    Evidência Conclusiva de Pensamento da Nova Era
    1. O grupo está abertamente comprometido em promover a Nova Era (isto é, a Era de Aquário).
    2. O grupo defende abertamente crenças distintas da Nova Era como o monismo (“tudo é Um”), o panteísmo (“tudo é Deus”), o gnosticismo (a salvação ou a cura espiritual vem através de experiên­cias especiais de iluminação), carma e reencarnação, evolução espi­ritual, mestres evoluídos (em pé de igualdade com Cristo), etc.
    3.  O grupo defende abertamente práticas da Nova Era e do ocultismo como canalização/mediunidade, astrologia, cura psíquica, numerologia, mágica, vários métodos para induzir estados alterados de consciência (por exemplo: meditação, mantras, privação sensorial, hipnose, etc), e o uso de cristais ou pirâmides por motivos psíquicos.
    4. O grupo usa terminologia especificamente da Nova Era como “crie sua própria realidade”, “Eu Superior”, “auto-realização”, “consciência cósmica”, “energia universal”, “chacras”, “kundalini”, wyin e yang”, etc.


    Evidência conclusiva do Pensamento do Nova Era
    Os critérios que se seguem são freqüentemente, mas nem sempre, indicadores de envolvimento com a Nova Era. Quaisquer sinais de perigo mostrados por estas considerações merecem maiores investigações mas nãojulgamento final.
    1. O grupo baseia suas idéias em premissas questionáveis (p.e.: humanismo, subjetivismo, relativismo, falta de auto-estima como a raiz do problema humano, potencial humano ilimitado).
    2. O grupo pratica políticas questionáveis (por exemplo: traba­lhar para ou advogar uma “nova ordem mundial” ou “sistema planetário de orientação”).
    3.  O grupo usa frases da Nova Era (por exemplo: “novo para­digma” ou “mudança de paradigma”, “transformação”, “auto-realização”, “visão global”.
    4.  O grupo tem associações questionáveis (por exemplo: reco­menda ou está ligado a grupos como a Association for Humanistic Psychology (Associação de Psicologia Humanista), Association for Transpersonal Psychology (Associação de Psicologia Transpes-soal), Association for Holistic Health (Associação de Saúde Holística), partidos políticos e movimentos “verdes”, Friends of the Earth (Amigos da Terra), Greenpeace (Paz Verde), grupos como Est (Erhard Seminars Training), Lifespring (Fonte da Vida), Silva Mind Control (Método Silva para Controle da Mente), etc.

    Porta-Vozes da Nova Era
    A lista que se segue de porta-vozes da Nova Era pode ajudar a solucionar o enigma de um grupo estar de fato associado ao movimento Nova Era.
    Bailey, Alice — Considerada por muitos como uma profetiza da Nova Era. Ela aderiu à doutrina teosófica de que o destino espiritual da humanidade é guiado por mestres evoluídos. Esses mestres estão atualmente trabalhando para expandir “o Plano”. Bailey também acreditava que Jesus era um “Mestre” que fez o papel de veículo corporal para o Cristo cósmico há 2.000 anos.
    Berry, Thomas — Um teólogo jesuíta cujos livros promovem a idéia da presença de um elemento sagrado em tudo o que existe. A visão do mundo que ele defende encoraja as pessoas a tratarem todas as coisas que encontram como manifestações exaltadas e preciosas de Deus.
    Besant, Annie — Assumiu a liderança espiritual da Sociedade Teosófica quando Helena Petrovna Blavatsky morreu. Escre­veu dois livros, Ancient Wisdom (Sabedoria Antiga) e Esoteric Christianity (Cristianismo Esotérico), que ainda são usa­dos entre os adeptos da Nova Era.
    Blavatsky, Helena Pretrovna — Uma das fundadoras da Socie­dade Teosófica. “Teosofia” quer dizer “sabedoria divina”. As metas da teosofia são (1) formar uma fraternidade universal; (2) fazer estudo comparativo das religiões, ciências e filosofias mundiais; e, (3) explorar os poderes psíquicos e espirituais latentes no homem.
    Caddy, Peter e Eileen — Fundadores da comunidade Findhorn no norte da Escócia. Essa comunidade é o protótipo de um centro de aprendizado da Nova Era. Ela oferece programa educacional contínuo sobre os princípios de espiritualidade e serviço mundial da nova Era.
    Capra, Fritjof— Especialista em física quantum cujos livros Tao da Física Ponto de Mutação são populares nos círculos da Nova Era. Em seus livros, ele demonstra as semelhanças entre a emergente visão holística do mundo, na física e no misticis­mo, que, segundo ele, provam o entrelaçamento de todas as coisas no universo.
    Creme, Benjamim — Fundador do centro Tara e autor de im­portante livro da Nova Era, The Reappearance ofthe Christ and the Masters of Wisdom (O Reaparecimento do Cristo e os Mes­tres de Sabedoria). O centro Tara financiou anúncios de pági­na inteira em vinte importantes jornais em 1982 que diziam: “O Cristo Está Aqui Agora”. Creme, discípulo de Alice Bailey, é popular no circuito de palestras da Nova Era.
    Ferguson, Marilyn — Autora de importante livro da Nova Era intitulado Conspiração Aquariana. Seu livro explora a ascen­dência de uma nova visão mundial que está sendo impulsio­nada por uma rede secreta disposta a criar uma sociedade totalmente nova. A sociedade que essa rede está promovendo terá um conceito mais amplo do potencial humano.
    Fox, Matthew — Controvertido teólogo católico cujos livros são populares entre os adeptos da Nova Era. Ele desenvolveu um sistema de pensamentos que chama de “Espiritualidade da Criação”, uma mistura de misticismo católico, panenteísmo, ambientalismo e feminismo.
    Galyean, Beverly — Fundadora e promotora da “Educação Con-fluente”. Seu enfoque envolve ajudar os outros a verem que eles são Deus e que têm os atributos de Deus. O propósito da vida humana, diz Galyean, é o de “nos reapropriarmos da semelhança com Deus que existe dentro de nós”.
    Keys, Donaid — Consultor durante muito tempo às delegações das Nações Unidas, que fundou a sociedade Cidadãos Plane­tários em 1972. Essa sociedade é dedicada à transformação do mundo através de ação política.
    Knight, J.Z. — Uma canalizadora popular da Nova Era que aparece regularmente em programas de entrevistas da TV. Ramtha, supostamente um guerreiro de trinta e cinco mil anos, canaliza através da Srta. Knight e é um dos espíritos-guias prediletos de Shirley MacLaine.
    Kuhn, Thomas — Um cientista cujo livro The Structure ofScien-tific Revolutions (A Estrutura das Revoluções Científicas) tor­nou-se muito popular entre os adeptos da Nova Era. O prin­cipal foco do livro de Kuhn é como a mudança de paradigma ocorre no campo da ciência. Os adeptos da Nova Era adapta­ram sua teoria para descrever como mudanças de paradigma ocorrem na cultura.
    Lipnack, Jessica — Foi co-autora do livro Networking (Forman­do Redes), com Jeffrey Stamps. EstSilvae livro é essencialmen­te um catálogo de diversas redes da Nova Era. Os autores mostram que as redes são autônomas (e portanto não conspiratórias), mas com freqüência se beneficiam de trabalhar jun­tas devido a seus valores e visões comuns.
    Loveiock, John — Formulou a “Hipótese Gaia” e registrou a teoria num livro apropriadamente intitulado Gaia.“Gaia” é um nome antigo para a deusa Terra. A hipótese vê a Terra e toda vida na Terra como um único organismo auto-sustentador.
    Muller, Robert — Recém-aposentado assistente do Secretário Geral das Nações Unidas que acredita que a raça humana deve transcender todas as diferenças nacionais, lingüísticas, cultu­rais, raciais e religiosas. Ele diz que precisamos descobrir que somos todos uma grande família humana.
    Mumford, Lewis — Escreveu um livro importante intitulado The Transformation of Ma(A Transformação do Homem). O livro argumenta que toda transformação por que passa a sociedade humana repousa sobre uma mudança nas visões do mundo. Atualmente há uma cultura planetária emergindo, diz Mum­ford, que transcenderá fronteiras nacionais e diferenças reli­giosas.
    Needleman, Jacob — Um filósofo popular nos círculos da Nova Era, Needleman é considerado pioneiro no desenvolvimento de uma “nova consciência”. Needleman argumenta em seus livros a favor da necessidade do esotérico e do místico no cristianismo.
    Price, John Randolph — Autor de The Planetary Commission (A Comissão Planetária). Price também aceita a idéia de que Jesus aprendeu a penetrar na “consciência crística” universal e impessoal. Ele se vangloria de também ser parte dessa cons­ciência crística. Ele acredita que cada ser humano precisa olhar dentro de si mesmo a fim de encontrar seu “eu absoluto” em vez de olhar para algum Cristo que seja separado de nós.
    Roberts, Jane — Uma canalizadora através de quem um espírito-guia chamado Seth comunicou o equivalente a vinte livros de revelação do outro lado.
    Roszak, Theodore — Um analista da Nova Era que acredita que o alvo de cada pessoa deve ser o de despertar o deus dentro de si. Roszak diz também que a idéia de um Deus transcendente, distinto do mundo, faz com que o mundo seja despojado de significado espiritual. Roszak acredita que o cristianismo tem destituído o mundo da natureza do que ele tem de sacro; seria muito melhor reconhecer Deus em todas as coisas.
    Ryerson, Kevin — Um canalizador da Nova Era que chegou à proeminência por causa de sua ligação com Shirley MacLaine e seu filme “Out on a Limb” (Minhas Vidas). Ryerson canaliza uma variedade de espíritos-guias. Ele acredita que as revela­ções recebidas de tais entidades são importantes devido às percepções e informações concretas que vieram através delas.
    Spangler, David — Considerado um profeta por muitos adeptos da Nova Era. Spangler ficou famoso quando assumiu o pro­grama educacional na comunidade Findhorn, na Escócia. Seus dois livros mais importantes são:Revelation: The Birth of a New Age (Revelação: O Nascimento de uma Nova Era) e Reflections on the Christ(Reflexões sobre o Cristo).
    Stamps, Jeffrey — Foi co-autor de Jessica Lipnack no livro Netzvorking (Formando Redes). (Ver: Lipnack, Jessica.)
    Starhawk — Uma moderna bruxa de Wicca que promove adora­ção feminista à deusa. Starhawk trabalha atualmente em es­treita associação com o controvertido teólogo católico Matt-hew Fox.
    Steiner, Rudolf— Fundou a Sociedade Antroposófica em 1924. “Antroposofia” significa “sabedoria do homem”. Steiner en­sinou que as pessoas possuem a verdade dentro de si mesmas. Cultivando seus poderes ocultistas através de exercícios espi­rituais, qualquer pessoa poder tornar-se “mestre de visão cla­ra”, obtendo assim extraordinária percepção espiritual.
    Thompson, William Irwin — Historiador cultural, autor de diversos livros que investigam o aparecimento da visão que a Nova Era tem do mundo. Thompson acredita que o nosso mundo está passando de “civilização” para “planetização”.
    Trevelyan, George — Um líder do movimento Nova Era na Grã-Bretanha. Seus dois livros, A Vision of the Aquarian Age (Uma Visão da Era de Aquário) e Operation Redemption (Ope­ração Redenção), foram bem recebidos nos círculos da Nova Era. Parte do seu pensamento é semelhante ao de Rudolf Steiner. Trevelyan é um palestrante popular no circuito de palestras da Nova Era.
    Walsh, John — Escreveu um livro intitulado Intercultural Education in the Community of Man (Educação Intercultural na Co­munidade Humana) que se tornou popular entre os adeptos da Nova Era. O livro destaca que a filosofia orientadora do comportamento do indivíduo é uma consciência da totalidade da humanidade e o correlacionamento e interdependência de toda vida no planeta Terra.

    Organizações da Nova Era
    A lista que se segue de organizações inclui grupos da Nova Era bem como aqueles que, embora não definitivamente Nova Era, têm atraído membros entre os seguidores da Nova Era.
    Association for Humanistic Psychology (Associação de Psicolo­gia Humanística) — Uma rede mundial que explora o poten­cial humano, crescimento pessoal e saúde holística. O grupo publica uma revista e apresenta oficinas de trabalho sobre tópicos como saúde ótima, auto-cura e espiritualidade.
    Association for Research and Enlightenment (Associação para Pesquisa e Iluminação) — Este grupo promove os ensinamen­tos do médium psíquico Edgar Cayce. Ele patrocina seminá­rios e oficinas de trabalho sobre tópicos como auto-hipnose, visualização e orientação psíquica.
    Association for Transpersonal Psychology (Associação para Psicologia Transpessoal) — Uma organização internacional que publica um boletim informativo e enumera vários progra­mas de pós-graduação em psicologia transpessoal (holística).
    Chínook Learning Center (Centro de Aprendizado Chinook) — Um centro de aprendizado que oferece seminários e oficinas de trabalho projetados para efetuar harmonia pessoal e global. São oferecidos seminários sobre tópicos como “Transforma­ção Espiritual e Cultural” e “Ritual e Cerimônia”.
    Esalen Institute (Instituto Esalen) — Um grupo de potencial humano que explora as tendências na religião, filosofia, ciên­cia e educação. O grupo oferece uma variedade de seminários e oficinas de trabalho para mente, corpo e alma em seu local na cidade de Big Sur, Califórnia.
    Farm, The (A Fazenda) — Uma comunidade contracultural da Nova Era na cidade de Summertown, no estado do Tennessee. Esse grupo faz obras humanitárias nos Estados Unidos e além-mar através de seu Projeto PLENTY (abundância).
    Findhorn — Um protótipo de comunidade da Nova Era localiza­do na Escócia que oferece um programa educacional contínuo dentro dos princípios de espiritualidade e serviço mundial da Nova Era. A comunidade enfatiza a santidade da vida cotidia­na.
    Fórum, The (O Fórum) — Fundado por Werner Erhard (famoso pelo EST [Erhard Seminars Training]), The Fórumfocaliza a comunidade empresarial para seus seminários sobre potencial humano. O grupo ensina que cada pessoa cria a sua própria realidade e que as pessoas não têm de prestar contas a ninguém além de si. Os seres humanos são retratados como tendo potencial ilimitado.
    Global Education Associates (Associados para a Educação Glo­bal) — Esse grupo procura engendrar uma perspectiva plane­tária nos jovens. O grupo conduz programas educacionais intensivos para o público em geral e fornece palestrantes e serviços de consultoria para escolas, organizações religiosas e grupos comunitários.
    Green Party (Partido Verde) — Um partido político que está crescendo e que procura desafiar as políticas tradicionais en­fatizando questões como ecologia, feminismo, desarmamento, não-violência e “democracia em escala humana”.
    Greenpeace U.S.A. (Paz Verde dos E.U.A.) — Uma organização ambientalista sem fins lucrativos com mais de 2,5 milhões de partidários no mundo todo. O objetivo do grupo é engendrar uma “consciência planetária” no mundo. Eles promovem eco­logia oceânica, desarmamento e a prevenção de poluição tóxi­ca. Realizam seus objetivos por dois meios: educando as pes­soas e procurando influenciar a legislatura.
    Interface — Um grupo que patrocina atividades sobre uma varie­dade de interesses da Nova Era, inclusive percepção, medita­ção e psicologia transpessoal. Oferece também aulas e oficinas de trabalho corpo-alma.
    Lifespring (Fonte da Vida) — Um grupo da Nova Era de elevação da conscientização que oferece seminários sobre potencial humano. O Lifespring ensina que o homem é perfeito e bom assim como é, promete iluminação a seus clientes, e é seme­lhante ao The Fórum em sua ênfase de que as pessoas criem sua própria realidade.
    Lucis Trust (Trust Lucis) — Originalmente incorporado como a Lucifer Publishing Company (Companhia Publicadora Lú-cifer), esse grupo publica e promove os escritos da profetiza da Nova Era, Alice Bailey.
    Pacific Institute (Instituto Pacífico) — Um grupo que oferece seminários sobre potencial humano com ênfase em auto-realização através de visualização e afirmação. Seus clientes in­cluem muitas companhias classificadas pela revista Fortune entre as 500 maiores dos Estados Unidos.
    Planetary Citizens (Cidadãos Planetários) — Um grupo ativista dedicado a engendrar uma “consciência planetária” entre os grupos da Nova Era e o público em geral. O grupo procura influenciar os líderes mundiais nessa direção.
    Self-Realization Fellowship (Sociedade de Auto-Realização) — Esse grupo fornece lições para estudo em casa que focalizam as técnicas de meditação de ioga Kriya e os ensinamentos do falecido Paramahansa Yogananda. O grupo procura treinar os estudantes no desenvolvimento harmonioso do corpo, mente e alma.
    Sierra Club, The (O Clube Sierra) — Um grupo sem fins lucra­tivos que promove a conservação do ambiente natural, tentan­do influenciar as decisões de políticas públicas. Ativistas vo­luntários associados ao grupo envolvem-se em campanhas de escrever cartas e influenciar políticos. Nem todos os envolvi­dos são necessariamente da Nova Era.
    Sirius Community (Comunidade Sírio) — Uma comunidade que patrocina uma semana inteira de oficinas de trabalho num ambiente de vivência espiritual. Esse grupo incorpora medi­tação e dança em sua rotina diária. O grupo também oferece programas de um dia e de fins-de-semana sobre tópicos como saúde holística e mitologia.
    Tara Center (Centro Tara) — Organização da Nova Era dirigida pelo escrito/palestrante Benjamim Creme. Com oTara Center como sua plataforma, Creme fala com freqüência sobre o aparecimento da Nova Era e sua ordem social, política e econômica.
    Theosophícal Society (Sociedade Teosófica) — Um grupo que promove as idéias de Helena Petrovna Blavatsky e Annie Besant. Os alvos do grupo são (1) formar uma fraternidade universal; (2) fazer estudo comparativo das religiões, ciências e filosofias do mundo; e (3) explorar os poderes psíquicos e espirituais latentes no homem.
    Unity-in-Diversity Counsel (Conselho da Unidade-na-Diversi-dade) — Uma “meta-rede” de mais de 100 redes e grupos. O conselho promove cooperação global e interdependência numa escala mundial.
    Windstar Foundation (Fundação Windstar) — Um grupo fun­dado por John Denver que promove a “percepção global” e “um futuro sustentável”. Patrocina também programas em ecologia, resolução de conflitos e diplomacia do cidadão.

    Livros da Nova Era
    A Conspiração Aquariana — por Marilyn Ferguson (editado em português pela Editora Record, Rio de Janeiro). Este livro investiga as atividades e penetração da Nova Era na nossa cultura e sugere que essas mudanças sinalizam uma transfor­mação tão radical que pode levar a uma fase inteiramente nova na evolução.
    Aquarian Gospelof Jesus the Christ, The (O Evangelho Aquaria-no de Jesus, o Cristo) — por Levi (Santa Monica, Calif.: DeVorss & Co., 1907). Um livro que promove a idéia de que todas as coisas são Deus e todas as coisas são uma. Também argumenta que Jesus veio não para livrar as pessoas dos seus pecados, mas para demonstrar e provar as possibilidades do homem.
    Corning of the Cosmic Christ, The (A Vinda do Cristo Cósmico) — por Matthew Fox (Nova York: Harper and Row, 1988). Um livro que adota a “Espiritualidade da Criação”, um sistema de pensamento caracterizado pelo misticismo, feminismo, panteísmo e ambientalismo. O Cristo Cósmico é “o padrão que liga” ou associa o céu à terra, e a divindade à humanidade.
    Earth at Omega (A Terra em Omega) — por Donald Keys (Nova York: Branden Press, 1982). Keys argumenta que a humani­dade está à beira de um passo evolucionário gigantesco. Esse passo evolucionário conduzirá a uma civilização global. Lide­rando essa “passagem à planetização” encontra-se o movimento da “Nova Percepção” representado por grupos da Nova Era como Findhorn, Esalen e a Association for Humanistic Psychology(Associação para Psicologia Humanística).

    Externalization of the Hierarchy, The (A Externalização da Hierar­quia) — por Alice Bailey (Nova York: Lucis Publishing Co., 1957). Um livro que focaliza o trabalho e as atividades da Hie­rarquia Espiritual, um grupo de mestres exaltados e evoluídos que guiam o destino espiritual do homem. Esses mestres evoluí­dos estão envolvidos em levar a cabo o “Plano”.
    Gaia — por James E. Lovelock (Nova York: Oxford University Press, 1979). “Gaia” é um nome antigo grego para a deusa Terra. A hipótese de Lovelock é que a Terra e toda a vida na Terra são um único organismo auto-sustentador.
    Heart of Phihsophy, The (O Coração da Filosofia) — por Jacob Needleman (Nova York: Bantam, 1984). Needleman é conside­rado pioneiro no desenvolvimento de uma “nova consciência”. Needleman argumenta nesse livro a favor da necessidade do esotérico e do místico no cristianismo.
    Key to Theosophy, The (A Chave da Teosofia) — por Helena Petrov-na Blavatsky (Pasadena, Calif: Theosofical University Press, 1972). Focaliza as metas da teosofia, que são (1) formar uma fraternidade universal; (2) fazer estudo comparativo das religi­ões, ciências e filosofias do mundo; e (3) investigar os poderes psíquicos e espirituais latentes no homem.
    Networking (Formando Redes) — por Jessica Lipnack e Jefírey Stamps (Nova York: Doubleday, 1982). Esse livro é essencial­mente um catálogo de cerca de 1.500 diferentes redes da Nova Era. Os autores mostram que as redes são autônomas, portanto não conspiratórias, mas sempre se beneficiam de trabalhar juntas devido aos valores e visões que têm em comum.
    New Age Politics (Política da Nova Era) — por Mark Satin (Nova York: Delta Books, 1979). Satin acredita que “a nova política” surgirá a partir de diversos movimentos que se conseguem unir para trabalhar na direção de um alvo comum. Esses grupos incluem grupos ambientais, feministas e de potencial humano.
    O programa político da Nova Era é voltado para a holística.
    Passages About Earth: An Exploration ofthe New Planetary Cul-ture (Passagens Acerca da Terra: Uma Investigação da Nova Cultura Planetária) — por William Irwin Thompson (Nova York: Harper and Row, 1973). O livro de Thompson investiga o aparecimento da visão que a Nova Era tem do mundo. Ele acredita que o nosso mundo está agora passando de “civilização” para “planetização”.
    Reappearance ofChrist and the Masters of Wisdom, The (O Reapa­recimento de Cristo e os Mestres de Sabedoria)—por Benjamim Creme (North Hollywood, Calif.: Tara Center, 1980). Creme acredita que a segunda vinda de Cristo já ocorreu na pessoa do “Senhor Maitréia”. O centro Tara de Creme financiou anúncios de página inteira em vinte jornais anunciando a chegada do Cristo da Nova Era.
    Reflections on the Christ (Reflexões sobre o Cristo) — por David Spangler (Forres, Scotland: Findhorn Publications, 1981). Como freqüentemente fazem os adeptos da Nova Era, Spangler estabelece uma distinção entre Jesus e o Cristo. Jesus foi um mero ser humano que fez o papel de veículo corporal para o Cristo Cósmico.
    Revelation: The Birth ofa New Age (Revelação: O Nascimento de uma Nova Era) — por David Spangler (Middletown: The Lo-rian Press, 1976). Spangler alega ter recebido muitas revelações de uma entidade chamada “John”. Essas revelações, que cobrem uma diversidade de temas da Nova Era, estão registradas no livro.
    Tao da Física — por Fritjof Capra (editado em português pela Editora Cultrix). Um livro que investiga os paralelos entre a física quantum e o misticismo oriental.
    Transformation of Man, The (A Transformação do Homem) — por Lewis Mumford (Nova York: Harper, 1970). O livro argumenta que toda transformação pela qual passa a sociedade humana repousa sobre uma mudança nas formas como é visto o mundo. Está emergindo uma cultura planetária presentemente, diz Mumford, que transcenderá as fronteiras nacionais e as diferen­ças religiosas.
    Ponto de Mutação — por Fritjof Capra (editado em português pela Editora Cultrix). Baseando-se no seu livro anterior, Tao da Física, Capra continua a mostrar os paralelos entre a física moderna e o misticismo oriental. Tanto a física quanto o misticismo, diz Capra, mostram o entrelaçamento de todas as coisas no universo.
    Vision ofthe Aquarian Age, A (Uma Visão da Era Aquariana) — por George Trevelyan (Walpole, N.H.: Stillpoint Publishing, 1984). Trevelyan focaliza a “visão espiritual emergente sobre o mundo”. Ele acredita que toda a realidade é sacra e divina.

    Revistas e Periódicos da Nova Era
    Body, Mind & Spirit (Corpo, Mente e Espírito) — Uma revista bimensal que cobre a Nova Era bem como tópicos ecológicos e metafísicos. A revista procura ajudar as pessoas no processo de auto-transformação para melhorar o corpo, a mente e o espírito.
    East West (Oriente e Ocidente) — Uma revista mensal que foca­liza a saúde holística, a qualidade de vida e alternativas à medicina moderna.
    Journal of Humanistic Psychology (Jornal de Psicologia Humanística) — Um periódico trimestral que investiga crescimen­to pessoal, potencial humano e saúde holística.
    New Age Journal (Jornal da Nova Era) — Um periódico bimen­sal que enfatiza a realização pessoal e a mudança social. Esse periódico funciona como porta-voz para muitos líderes e es­critores da Nova Era.
    New Age Living (Vivendo na Nova Era) — Publicado anualmente por New Age Journal. Contém um catálogo de vários grupos da Nova Era e os serviços que oferecem.
    New Realities (Novas Realidades) — Uma revista bimensal que promove a identidade do eu, da mente e do corpo.
    Revision (Revisão) — Um periódico erudito da Nova Era.
    World Goodwill Newsletter (Jornal da Boa Vontade Mundial) — Publicação que promove idéias voltadas para Alice Bailey. Contém informação sobre questões mundiais e programas da World Goodwill.
    Yoga Journal (Jornal Yoga) — Publicado bimensalmente pela Associação dos Professores de Ioga da Califórnia. Cobre todos os aspectos de ioga e de saúde holística.

    Por Milton Bitbull
    Extraído do livro “Como Entender a Nova Era” de Walter Martin

    Sobre

    Exclusivamente voltado para matérias informativas em questões apologéticas, notícias e estudos bíblicos, este site tem o objetivo de servir como ferramenta de evangelização bem como alerta e preparo à igreja cristã sobre os últimos eventos que antecedem a Volta Gloriosa de nosso Senhor Jesus Cristo.

    Termos de Uso

    Você está autorizado e incentivado a reproduzir e distribuir os artigos em qualquer formato, desde que informe o(a) autor(a) e a fonte do artigo, bem como as fontes intermediárias, inclusive o Site "O Correio de Deus". Não é permitido a alteração do conteúdo original sem a devida notificação de alteração em cópia extraída deste site e muito menos a utilização para fins comerciais.
    Licença Creative Commons
    Este trabalho está licenciado com uma Licença